Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Huilanos apostam na melhoria da classificao

Gaudncio Hamelay, no Lubango - 14 de Outubro, 2019

Os atletas Silvestre Ngula, Pedro Samuel, Doflia Leonardo so campees nas suas categorias. Por isso, anunciou o tcnico, almejam defender o ttulo.

A melhoria da terceira posição alcançada na edição passada, constitui um dos objectivos da participação da selecção provincial paralimpica da Huíla, no Campeonato Nacional de Pista em atletismo, prova a decorrer de 18 a 20 do corrente mês, na capital do país, Luanda.
A preparação da caravana huilana para essa prova composta por 8 atletas, dos quais sete masculinos e uma feminina, cujos treinos estão na recta final, consubstancia-se apenas na intensidade e em séries curtas dos 100 aos 1.200 metros. Os treinos decorrem no campo de futebol da Nossa Senhora do Monte, no período da manhã.
 Augusto Diogo “Seco”, técnico da selecção provincial da Huíla, referiu que por serem detentores a nível nacional do terceiro lugar obtido no ano transacto, desta vez o objectivo principal nesta competição, passa em manter ou ascender mais uma posição caso for possível. Daí, que os seus pupilos tiveram que empreender esforços ao longo de 3 meses de preparação.
 “Nós temos o terceiro lugar a nível nacional na prova de pista do campeonato passado e nesta vamos convictos de subir talvez para a segunda posição. Não digo o primeiro, porque será difícil por nos faltar muitas provas, onde não vamos entrar”, disse.
 A responsabilidade na melhoria da posição anterior é entregue aos atletas em masculinos. Silvestre Ngula (T46) para competir nos 100, 200 e 400 metros; José Ndala (T46) corre nos 800 e 1.500 metros; Mário Sacativa (T11) percorre as distâncias dos 400, 800 e 1.500 metros.
Na classe dos (T20) entram três atletas, nomeadamente Kito José Augusto (400, 800 e 1.500), Horácio Sambamba (800, 1.500 e 5.000 metros) e o José David (1.500 e 5.000 metros). Enquanto em auditivos, competem em masculino Pedro Samuel nos 1.500, 5.000 e 10.000 e Dofília Leonardo, em feminino nos 800, 1.500 e 5.000 metros.
 Augusto Diogo “Seco” explicou, que desta vez os huilanos vão apostar em todas provas de pista de corrida. “Não vamos competir nos concursos, porque não estamos a trabalhar para tal, por inexistência do referido material. Mas dentro em breve, teremos esse material cá na província”, frisou.
Com a vinda desse material para concursos, salientou Augusto Diogo “Seco”, passam a lançar essa especialidade que faz muita falta.
Os atletas Silvestre Ngula, Pedro Samuel, Dofília Leonardo são campeões nas suas categorias. Por isso, anunciou o técnico, almejam defender o título.