Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Igor comeou a atacar o pdio

Simo Kibondo - Cuando Cubango - 21 de Setembro, 2014

Campeo Nacional absoluto pretende aumentar o ciclo de vitrias em mais uma prova internacional

Fotografia: Jornal dos Desportos

O tetra Campeão Nacional absoluto de Angola e da Volta do Cacau de São Tomé,  Igor Silva do Sport Luanda e Benfica venceu a I etapa do Grande Prémio Internacional do Cuchi, disputada ontem sexta-feira dia entre a capital do Cuando Cubango e o município que dá nome à prova.

O vencedor cronometrou 2h24m46s, o mesmo tempo atribuído aos seus colegas de equipa, Mário de Carvalho, Cruz Tutu, Dário António e Walter Silva, que encetaram a fuga decisiva ao Km 38 dos 95 Km, previstos para a etapa.

A etapa, salvo alguns troços de “terra batida”, em função da reabilitação ainda em curso numa das Estradas Nacionais que liga Cuando Cubango a algumas provinciais limítrofes, teve apenas uma chegada à montanha no pico mais alto do município do Cuchi, onde também os três melhores ciclistas benfiquistas arrecadaram pontos, que os colocam na liderança destas duas especialidades.

A II etapa foi  disputada neste último sábado ( 20.09), com  partida antes da ponte sobre o Rio Longa, na estrada em direcção a vizinha República da Zâmbia na distância 108 Km, com chegada defronte à sede do Governo do Cuando Cubango. Para o fecho vai ter lugar  um circuito- fechado que   é um festival à parte, apenas para encerrar o “espectáculo” com “chave de ouro,” seguido de festa.

A simbiose entre o desporto e cultura, que nos referimos, aconteceu igualmente na cerimónia de abertura da última quinta-feira ( 18.09), onde a administradora do Cuchi, Verónica Mutango, mostrou ao mundo  que a sua administração não quer ficar atrás nas “terras do Progresso”.


PROPÓSITOS
Selecção de São Tomé persegue
o segundo lugar por equipas


O Benfica de Luanda conquistou a I etapa do GP Internacional do Cuchi, igualmente a classificação por equipas, seguido da Selecção Nacional da República de São Tomé e Príncipe, que teve nos corredores Ediney Nascimento, Atemilson Pereira e Mauro Silva, da oitava à décima  posição os melhores ciclistas, todos com o tempo de 2:33,12.

Os são-tomenses tiveram apenas a “sombra” dos ciclistas da equipa “B” das “Águias da capital” (SLB), Wagner Chiquito e Bruno Araújo integrantes da última selecção nacional de juniores-, que se classificaram em sexto e sétimo posto, ambos com (2:32,12), uma vez que os corredores, tanto do Santos Futebol Clube, Porcelana do Cuanza Norte, foram uma  sombra de si mesmos, ao não conseguirem colocar nenhum corredor entre os dez primeiros classificados. Alinharam nesta primeira etapa, 58 ciclistas em representação de todas as equipas da capital do País a que se juntaram ciclistas são-tomenses,  nomeadamente Benfica,  Santos Futebol Clube, Núcleo do Cazenga, Núcleo do Kilamba Kiaxe, Selecção Nacional de São Tomé, Hotel Luso de Benguela, Porcelana do Cuanza Norte, Misto do Huambo / Bié e Elisema Lda da Huíla.
Simão Kibondo 

Breve
Contador dispensa Volta a Espanha
O ciclista espanhol Alberto Contador, que venceu a Volta a Espanha este ano, confirmou a presença no Giro de Itália e no Tour de França, em 2015 e descarta correr nas três grandes voltas nesta temporada. Ou seja, não vai  tentar revalidar o título conquistado no passado domingo.
O anúncio foi feita numa conferência de imprensa. “Pretendo fazer o Giro-Tour, porque fazer as três provas no mesmo ano, não está nos meus planos. O meu primeiro objectivo em 2015, vai ser o Giro de Itália”, declarou o ciclista.