Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Interclube campe africana de clubes

Melo Clemente - 05 de Dezembro, 2016

Base Italle Lucas foi a melhor marcadora da final da Taa dos Clubes Campees Africano com 26 pontos

Fotografia: DR

Com 26 pontos da norte-americana naturalizada angolana, Italle Lucas, a formação do Grupo Desportivo Interclube conquistou o título da 22ª edição da Taça dos Clubes Campeões Africano de basquetebol em seniores feminino, ao derrotar ontem, no Pavilhão do Maxaquene, em Maputo, capital moçambicana, a similar do Ferroviário de Maputo, por  expressivos 67-49, quando ao intervalo as angolanas conservavam já por uma margem confortável de 17 pontos (37-20).

Depois de terem testemunhado a eliminação do 1º de Agosto nas meias-finais, frente ao Ferroviário de Maputo, com quem perderam por 58-68, a equipa adstrita a Polícia Nacional entrou com os índices motivacionais em alta, surpreendendo a equipa caseira, fundamentalmente, no quarto inicial, onde conseguiram um parcial de 22-7.

Com a base Italle Lucas a liderar as acções ofensivas, a representante angolana que fez o pleno durante a fase preliminar da 22ª edição da Taça dos Clubes Campeões Africano da "bola ao cesto", neutralizou por completo a jovem equipa do Ferroviário de Maputo que perseguia o seu primeiro troféu continental, depois de ter vergado a forte equipa do 1º de Agosto nas meias-finais da aludida competição.

Empurrado pelo público que lotou por completo o Pavilhão do Maxequene, a formação do Ferroviário de Maputo conseguiu equilibrar o rumo dos acontecimentos no segundo período, apesar de ter perdido por um parcial de 15-13. No terceiro período, a formação do Ferroviário de Maputo melhorou significativamente a sua defesa, e conseguiu superar a forte equipa do Grupo Desportivo Interclube, por um parcial de 17-13.

Com um plantel mais recheado, em termos de valores individuais, onde ressaltos nomes como Italle Lucas, Felizarda Jorge, Ngiendula Filipe, Akonga Pauline, Rosimira Daniel, Ângelina Golome, Sequoia Holmes entre outras, a formação do Grupo Desportivo Interclube conseguiu anular o jogo ofensivo do Ferroviário de Maputo, para a tristeza de centenas de adeptos que acreditavam na conquista do título africano. No derradeiro quarto, a turma  adstrita a Polícia Nacional comandada pelo categorizado técnico angolano, Apolinário Paquete, conseguiu um parcial de 17-12, fixando o resultado final em 67-49.

Com esta vitória, a equipa do Grupo Desportivo Interclube arrebatou o seu quinto troféu a nível da Taça dos Clubes Campeões Africano da "bola ao cesto", sendo por isso,  a formação mais titulada do continente africano, seguida pela equipa do 1º de Agosto, com três troféus ganhos.

ITALLE LUCAS
ELEITA MVP

 A base norte-americana naturalizada angolana ao serviço do Grupo Desportivo Interclube, Italle Lucas, foi eleita ontem, em Maputo, capital moçambicana, a MVP (Jogadora Mais Valiosa) da 22ª edição da Taça dos Clubes Campeões Africano de basquetebol em seniores feminino. Italle Lucas substitui a sua companheira de profissão, Leia Tania Dongue, extremo poste do 1º de Agosto, que arrebatou o troféu de MVP na edição passada, prova disputada no Pavilhão Arena do Kilamba, em Luanda.    

CLASSIFICAÇÂO
1º- Interclube
2º- Ferroviário
3º- First Bank
4º -1º de Agosto
5º- GSP da Argélia
6º- FAP do Camarões
7º- KPA do Quénia
8º- Politécnica
9º -Usiu do Quénia
10º- Etoile do Togo

EM MALANGE
Politécnica arrebata
campeonato provincial


A equipa da Escola Superior Politécnica de Malanje (ESPM) conquistou sábado último, no Pavilhão Arena Palanca Negra Gigante, naquela cidade, a primeira edição do campeonato provincial de basquetebol em sénior masculino, ao vencer o Misto da Delegação do Interior por 91-50. O primeiro quarto da partida foi dominado pelos polícias, evidenciando uma equipa compacta e entrosada diante de um adversário inicialmente impávido e pouco produtivo.

Nos quartos seguintes, os universitários despertaram para o jogo, anulando a superioridade dos polícias, à mercê da falta de concentração destes, o que os custou o distanciamento da ESPM no placard de 29-51, 38-70 e 50-91, no segundo, terceiro e último quarto, respectivamente. Com 24 pontos contabilizados, Emerson, atleta da Escola Superior Politécnica de Malanje, foi o melhor cestinha da partida, seguido por Joaquim, do Misto do Interior com 18 pontos.

No final da partida, o treinador do Misto do Interior, Alberto Manuel, apontou os constantes erros defensivos como o principal motivo da derrota.
Por sua vez, o técnico da ESPM, Marques Horas, disse que a conquista do torneio espelha o empenho da instituição na massificação do desporto escolar, assim como a dedicação e espírito de entrega dos atletas.

Precisou que a equipa vai continuar a trabalhar, com vista o campeonato nacional da modalidade. Entretanto, o presidente da associação provincial de basquetebol, Mauro Jorge, elogiou as equipas participantes ao campeonato, pois a exibição das mesmas superou as expectativas da organização, o que deixa antever uma segunda edição mais renhida e com maior número de equipas.

Por outro lado, o presidente associativo anunciou que no próximo ano começam os campeonatos sub-17 e sub-18, por forma a massificar cada vez mais a modalidade e criar equipas fortes. O campeonato provincial de basquetebol contou com a participação de oito equipas.