Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Interclube domina corta-mato

Gaudncio Hamelay-Lubango - 05 de Março, 2018

A manifestao de alegria de Francisco Caluvi estende-se pela marca feita.

Fotografia: Jornal dos Desportos

O Interclube dominou o Campeonato Nacional de Corta Mato nas classes seniores masculino e feminino, disputado sábado no polígono da comuna da Palanca, no município da Humpata, a Oeste da cidade do Lubango, província da Huíla. Francisco Caluvi percorreu a distância de 10 quilómetros em 30min47s, seguido do colega de equipa David Elias, com 30min53s. Avelino Sanganhala, do 1º de Agosto, contentou-se com a terceira posição com 30min58s.
Na classe feminina, Alda Machado subiu ao lugar mais alto do pódio com o registo de 36min33s, acompanhada das colegas Ernestina Paulino (36min33s) e Alda Paulo (41min53s).
Em declarações à imprensa, Francisco Caluvi reconheceu que a prova foi difícil.
“Foi um pouco difícil conquistar o título nacional individual. Corremos num local acidentado e com altitude maior. Também os adversários não deram trégua. Estávamos preocupados com esse campeonato, uma vez que falhei a São Silvestre de Luanda e a Fuga à Resistência no Bengo. Por isso, tínhamos de virar a página para fazer o melhor. Todo o atleta espera ganhar. Felizmente, consegui”, disse emocionado.
A manifestação de alegria de Francisco Caluvi estende-se pela marca feita, pois não foge de outras em distância semelhante nas provas de estrada.

JUNIORES
Jeremias Kandunbo, do Interclube, percorreu a prova de oito quilómetros em 26min25s, seguido de Daniel Emídio, do Clube Desportivo da Huíla (26min40s) e de Emílio Katchiunha, do Interclube (27min25s).
Lucélia Beno, do 1º de Agosto, percorreu a distância de seis quilómetros, em 25min04s, secundada da companheira de equipa, Boneca Segunda (25min15s) e Joaquina Hossi (28min16s).

JUVENIS

Saltiano Faria, do Clube Assessoria Jamba Sport, sagrou-se campeão nacional de corta mato na categoria de juvenis masculinos ao percorrer os seis quilómetros, em 19min30s. A medalha de prata coube a Ernesto Mahole, do Clube Assessoria Jamba Sport (19min38s) e de bronze a Augusto Capenda, do Petro Atlético de Luanda (20min06s).
Amélia Pedro, do Interclube do Lubango, completou a distância de quatro quilómetros em 16min27s, seguido da colega de equipa Feliciana Cruzeiro (16min43s) e da Francisca Walende, do Clube Desportivo da Saúde (16min48s).  
 
POR EQUIPA
Ao totalizar 14 pontos, o Interclube conquistou o troféu nacional de corta mato por equipa em sénior masculino. A segunda posição coube ao 1º de Agosto (29), seguido do Petro de Luanda (42).
Em júnior masculino, a taça ficou com o Clube Desportivo da Huíla (31 pontos), secundado pelo Interclube (34) e Clube Ferroviário da Huíla (48).
Em juvenis masculinos, o Interclube do Lubango somou 34 pontos na liderança, seguido pelo Clube de Assessoria Jamba Sport (35) e o Petro de Luanda (42).

FEMININO
Clube da Assessoria Jamba Sport totalizou 38 pontos na primeira posição. Clube Desportivo da Saúde (47) e o Atlético do Namibe (58) completaram o pódio.
Participaram no campeonato nacional de corta mato 240 atletas em representação do Atlético do Namíbe, Clube Desportivo da Huíla, Clube Desportivo da Saúde, Interclube do Lubango, Clube Ferroviário da Huíla, Petro de Luanda, Clube de Assessoria Jamba Sport, 1º de Agosto, Benfica Petróleos do Lubango, Interclube, União da Catumbela, Académica do Lobito e Wayola Sport Benguela.