Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Irmãs Williams colocam Estados Unidos em vantagem

09 de Fevereiro, 2015

Serena e Vénus não encontraram maiores dificuldades nos seus respectivos confrontos

A presença das irmãs Williams, na equipa dos Estados Unidos, é o destaque da rodada do Grupo Mundial II da Fed Cup. No passado sábado, Serena e Vénus não encontraram maiores dificuldades nos seus respectivos confrontos diante da Argentina no saibro de Buenos Aires.

Na abertura da série, Vénus superou Paula Ormaechea por 2-0, com parciais de 6/3 e 6/2. Em seguida, Serena, actual líder do ranking mundial e vencedora do Open da Austrália 2015, venceu Maria Irigoyen também por 2-0, com parciais de 7/5 e 6/0.

Na sequência do confronto, Serena enfrenta Paula Ormaechea e Venus joga com Maria Irigoyen. Nas duplas, está previsto o encontro entre Tatiana Bua e Nadia Podoroska com Coco Vandeweghe e Taylor Townsend. Com um triunfo, os Estados Unidos avançam.

Nos demais confrontos iniciados neste sábado na competição por nações femininas, Holanda e Eslováquia e Espanha e Roménia empatam por a 1-1. Já a Suíça, apesar de actuar na condição de visitante, conseguiu vencer 2-0 diante da Suécia, aproximando-se da vitória na série.

TÉNIS DE CAMPO
Nadal convidado a sambar


Consegue imaginar Rafael Nadal a dançar ao ritmo do samba no Carnaval do Rio de Janeiro? O espanhol vai defender este mês o título que conquistou no ATP 500 da Cidade Maravilhosa, na época passada e a organização do torneio deixou escapar que a escola de samba Unidos de Viradouro convidou o tenista a integrar o seu desfile no sambódromo, a 15 de Fevereiro, uns dias antes do arranque da prova. Um porta-voz do torneio carioca, citado pela imprensa espanhola, adianta que o maiorquino “mostrou interesse” em ir ao sambódromo, mas não confirmou a  participação no desfile.

Todavia, Nadal não foi o único tenista a ser requisitado pelas escolas de samba para marcar presença no Carnaval do Rio de Janeiro. O tema da Unidos da Tijuca este ano vai ser a Suíça e a escola endereçou um convite, imagine-se, a Roger Federer, por intermédio do consulado suíço no Brasil.

TÉNIS
Dominicano
vence Bellucci


Depois de três horas de paralisação por conta da chuva, Thomaz Bellucci perdeu o jogo com o dominicano Victor Estrella Burgos por dois sets a zero com parciais de 7-6 e 7-5 e foi eliminado nas meias-finais do ATP 250 de Quito, o seu terceiro torneio no ano, o primeiro no saibro. Com esse resultado, o brasileiro continua a não chegar à final de ATP desde 2012, ano da sua última conquista.

O resultado põe fim a uma boa semana de Bellucci, que começou mal a época com duas derrotas nas estreias nos torneios de piso duro da Oceania. Eliminado na primeira ronda em Auckland e no Open da Austrália, foi para o saibro com a expectativa de crescimento e viu a semana no Equador render.

O tenista brasileiro venceu Giovanni Lapentti (EQU), Horacio Zeballos (ARG) e Albert Montañes (ESP) e parecia estar pronto a dar o seu melhor fim de semana, a anos.

A última final de Bellucci num torneio da ATP foi em 2012, em Moscovo, quando perdeu para Andreas Seppi na quadra dura.