Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Joo Amaral defronta zambiano Kiddy

04 de Agosto, 2015

Joo Amaral defronta zambiano Kiddy

Fotografia: Jornal dos Desportos

O angolano João Amaral enfrenta hoje, às 10 horas, no Matola Village Hotel Moçambique, o zambiano Kiddy Makwaya. A partida é pontuável para IV jornada do Campeonato Africano Individual de xadrezistas amadores, que decorre de 1 a 9 de Agosto, na cidade de Maputo.

O atleta do Núcleo da Vila Alice está numa posição desconfortante, em três partidas perdeu um ponto e meio, produto de uma vitória diante do anfitrião Armindo Foliche, derrota com o tswanês Thuso Mosutha e empate com moçambicano Carlos Mutumane, na terceira jornada do certame, disputada ontem.

O cenário, em que o único angolano está a concorrer, exige um único resultado. A vitória diante do Kiddy é uma condição obrigatória, para manter a esperança de conseguir uma digna posição na competição africana.A ronda é complementada com as seguintes partidas: Thuso Mosutha(Botswana) - Oluwashina Tivane (Moçambique), Aaron Banda (Zâmbia) - Bokamoso Simon (Botswana), Milton Botão (Moçambique)- Carlos Mutumane (Moçambique), Enyonam Sewa Fumey (Togo) - Armindo Foliche (Moçambique), Izdine Gafar (Moçambique) - José Manane (Moçambique) e Tseliso Motloheloa (Leshoto) - Avertino Sande (Moçambique).

Os resultados completos da III jornada foram os seguintes: Thuso Mosutha venceu Milton Botão, Kiddy Makwaya derrubou Izdine Gafar e Enyonam Sewa Fumey despachou Tseliso Motloheloa. O Armindo Foliche perdeu com Aaron Banda e Avertino Sande cedeu diante do José Manane. O Bokamoso Simon empatou com Oluwashina Tivane e Carlos Mutumane repartiu o ponto com João Amaral. Após a conclusão da terceira jornada a classificação está escalonada desta forma: Thuso Mosutha (3), Bokamoso Simon (2), Aaron Banda (2), Oluwashina Tivane (2), Kiddy Makwaya (1,5), João Amaral (1,5), Milton Botão (1,5), Carlos Mutumane (1,5), Armindo Foliche (1), José Manane (1), Enyonam Sewa Fumey (1), Avertino Sande (0,5),  Izdine Gafar (0,5) e Tseliso Motloheloa (0).