Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Juvelina Imperial reitera apoio à modalidade

12 de Julho, 2017

Vice governadora provincial de Luanda reitera manutenção do apoio institucional e técnico

Fotografia: Contreiras Pipas| Edições Novembro

O Governo Provincial de Luanda continuar a apoiar o andebol na capital do país, disse segunda-feira, a vice-governador Juvelina Imperial.

A dirigente falava na abertura do 39º campeonato nacional de andebol sénior em ambos os sexos, que arrancou no Pavilhão da Cidadela, em que realçou que o facto de Luanda receber a prova, obriga a entidade máxima a dar todo o apoio institucional e técnico.

Referiu que Luanda vai albergar a festa de andebol durante 12 dias, numa demonstração do trabalho que os clubes, a Federação e a Associação local estão a fazer.

Juvelina Imperial desejou boas vindas às equipas provenientes de Benguela e Cabinda e apelou à todos os participantes no sentido de observar o fair-play durante essa prova que doravante passa a ser também denominada Troféu LAC 25 anos.

Por seu turno, Maria Luísa Fancony, directora da rádio Luanda Antena Comercial (LAC), disse que a sua instituição  sente-se orgulhosa por fazer parte da organização deste evento, pois o andebol é uma modalidade que orgulha todos os angolanos.

O campeonato foi aberto com vitória da equipa sénior feminina do 1º  de Agosto (detentora do troféu) sobre a Casa Pessoal do Porto do Lobito, por 33-16.

PROGRESSO DESISTE
DO CAMPENATO
NACIONAL

A equipa de andebol  sénior masculina do Progresso da Lunda Sul desistiu à última  hora do 39º campeonato nacional da modalidade, iniciado na segunda-feira, no Pavilhão Principal da Cidadela, em Luanda, por motivos financeiros e logísticos, informou a organização da prova.

A equipa lunda, presente nas últimas edições, definiu como meta este ano ficar em quarto ou quinto lugar na tabela classificativa do campeonato, também denominado Troféu LAC 25 Anos.

O Progresso da Lunda Sul ia defrontar hoje na primeira jornada, o Petro de Luanda às 11 horas, no pavilhão da Cidadela.

Com a desistência, a prova passa a ter cinco equipas,  o 1º de Agosto (detentor do título), Interclube (vice -campeão), Marinha de Guerra, Petro de Luanda e Organizações Joice de Cabinda.