Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Keto procura segunda vitória

Álvaro Alexandre - Valência - 01 de Dezembro, 2015

Angolanos defrontam hoje adversários de pesos médios na competição internacional que decorre na cidade de Valência

Fotografia: José Cola

O xadrezista da Selecção Militar de Angola, Kinavuidi Keto, está animado em alcançar a segunda vitória no confronto marcado para hoje, às 10h00, na sala de jogo do Gran Hotel Bali Benidorm (Alicante), na cidade de Valência, a contar para terceira jornada do XIV Gran Torneo Internacional Aficionados de Sub-2300. O teste da capacidade competitiva do atleta angolano vai ser feito pelo Mestre Fide (MF) Johan Goormachtigh, da Bélgica.

Depois da vitória na primeira jornada e do empate na segunda, Kinavuidi Keto é o xadrezista da delegação angolana melhor posicionado. O xadrezista ocupa actualmente o 29º lugar. Hoje, o atleta da Selecção Militar de Angola enfrenta um adversário que consta do lote de dez primeiros classificados, o que faz da partida uma "batalha difícil" para o atleta nacional. Ontem, Johan Goormachtigh derrotou o espanhol Jaume Vinals.

Noutras partidas da terceira jornada, Carlos Fernandes (1º de Agosto) enfrenta o MF Juan Minaya (Colômbia), Candidato a Mestre (CM) João Júlio (Escola de Viana) defronta Adrian Stanca (Roménia), Federico Bello (Espanha) joga com Jeovani Santos (1º de Agosto), Domingos Paulino (Escola de Viana) enfrenta MF Hanne Goossens (Bélgica), Diogo Agostinho (Selecção Militar de Angola) joga com Mira Alonso (Espanha).

Ontem, para a segunda jornada, Mariano Fernandes (Espanha) sucumbiu ante o poderio de Carlos Fernandes (1º de Agosto), Keto Kinavuidi (Selecção Militar de Angola) empatou com Gennadiy Belousov (Rússia), Jeovanni Santos (1º de Agosto) venceu David Collier (Inglaterra), Michael Tscharotschkin (Alemanha) derrotou Domingos Paulino (Escola de Viana), Bilquez Romain (França) derrotou Diogo Agostinho (Selecção Militar de Angola) e Valeriano Pedrosa (Espanha) perdeu diante do CM João Júlio (Escola de Viana).
   
ESCALÃO B
Um misto de frustração e desejo de vencer tomou conta do XIV Gran Torneo Internacional Aficionados de Sub-2000. Entre os atletas nacionais, João Amaral (Instituto Superior Técnico de Angola) é o menos conformado com a realidade. O atleta tem planos de constar entre os cinco primeiros classificados, mas a perda de ponto tem implicância negativa na tabela.

Ontem, para a segunda jornada, João Amaral perdeu diante de Russell Robert (Inglaterra) na sala de jogos do Gran Hotel Bali Benidorn (Alicante). Vicente Gonçalves (Espanha) perdeu diante de José do Rosário (Polivalente Aldanuel), Alfonso Lopez (Espanha) perdeu diante de Gudlack Constantino (Selecção Militar de Angola), Domingos Mateus (Selecção Militar de Angola) venceu Júlio Toro (Espanha), Josep Soriano (Espanha) venceu Aires Kambuandi (Selecção Militar de Angola), Paul Van Heuverbeke (Bélgica) derrotou Carlos Jorge (Escola de Viana), Pere Gallego (Espanha) ganhou ao Manuel Francisco (Selecção Militar de Angola) e Abel Katumua (Selecção Militar de Angola) empatou com Jouke Llipis (Espanha).

Hoje para a terceira jornada, João Amaral recebe Anders Nilsson (Noruega), José do Rosário joga com Ricardo Moll (Espanha), Gudlack Constantino enfrenta Carles Moll (Espanha), José António (Espanha) joga com Domingos Mateus, Hamish Glen (Escócia) defronta Abel Katumua, Aires Kambuandi enfrenta Bogdan Rychlig (Polónia), Manuel Francisco joga com Eládio Alba (Espanha), Mathias Lind (Noruega) defronta Carlos Jorge (Escola de Viana).