Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

LeBron está motivado

02 de Outubro, 2014

Astro do basquetebol norte-americano está de regresso ao Claveland Cavaliers que o revelou para a NBA

Fotografia: AFP

Motivação é o sentimento de LeBron James para a temporada que vai marcar o seu regresso à equipa que o revelou para a NBA em 2003, o Cleveland Cavaliers. Após dois títulos e dois vice-campeonatos pelo Miami Heat (2010-2014), o jogador ainda demonstra vontade de conquistar a liga mais importante do mundo do basquetebol.“Eu cobro-me a mim mesmo,  mais do que a qualquer um. As minhas expectativas continuam altas. E eu entendo o que é necessário para ser campeão. Em quatro anos, chorei lágrimas de felicidade e lágrimas de frustração. Eu acredito nesta equipa e no que podemos oferecer, mas sei que não vai ser fácil”, avaliou LeBron.

Para a temporada 2014/2015, o Cleveland vem com uma equipa recheada de bons jogadores, como Kevin Love e Kyrie Irving. Este último participou da campanha do pentacampeonato mundial dos Estados Unidos.O astro dos Cavaliers ainda afirmou que pode ser uma liderança dentro do grupo, que unido, pode voltar aos play-offs da NBA onde não consegue chegar desde 2010: “Posso liderar, por exemplo, por voz, por comando, ou pela minha simples presença. Precisamos tomar conta um do outro e de  nos proteger. Assim, podemos dar-nos uma oportunidade de competir até o fim da temporada”.

LeBron James e companhia estreiam na pré-temporada da NBA no próximo domingo, com o Maccabi Tel Aviv, de Israel. A mesma equipa que foi derrotada pelo Flamengo na disputa da Copa Intercontinental de Clubes, no último domingo. Depois, no dia 11 de Outubro, no Rio de Janeiro, o Cleveland joga com a ex-equipa do astro americano, o Miami Heat.

Leandrinho
Nas suas 11 temporadas na NBA, Leandrinho tem como principal conquista o prémio de melhor sexto homem da edição de 2006/2007 pelo Phoenix Suns. Aos 31 anos e já   bem mais veterano aos 31 anos, o brasileiro quer voltar a ser fundamental no Golden State Warriors, onde deseja ser o principal reserva da equipa.“Não sei qual o sistema que vai ser implantando aqui, mas sei que posso ajudar. Estou um pouco velho, mas ainda tenho energia para ajudar a equipa. Vou tentar ser o sexto homem. Fiz isso há muitos anos, sei o que tenho de fazer e espero conseguir repetir. Penso melhor do que pensava.

Vejo mais o que tenho de fazer, é algo que se torna natural. Estou muito feliz por  ter esta oportunidade”, disse na passada segunda-feira.Leandrinho sabe que não vai ser titular na equipa, que conta com astros como Stephen Curry, Klay Thompson e Andre Iguodala. Mesmo assim, confia na sua velocidade, principal qualidade dele ao longo da NBA e na boa relação com o técnico Steve Kerr, com quem trabalhou no Phoenix Suns, quando o treinador exercia o cargo de director, para ganhar espaço.