Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Áleix Rins factura GP de França

09 de Maio, 2016

Áleix Rins factura GP de França

Fotografia: AFP

Álex Rins trouxe a vitória para casa de forma brilhante. Após assumir a liderança do pelotão, não mais foi ameaçado e cruzou a linha de chegada com uma vantagem de 1s802. Rins fez uma prova consistente e venceu com autoridade do Grande Prémio de França. Para coroar a vitória, passa a liderar o campeonato mundial de pilotos.Thomas Luthi não teve forças suficientes para se manter na pole position em Le Mans. Depois de ter sido superado pelo titular da Pons, também foi ultrapassado por Simone Corsi. Teve de se contentar com o terceiro lugar. Fora do pódio, o primeiro a cruzar a linha de chegada foi Franco Morbidelli, seguido de Takaaki Nakagami.

COORIDA
Thomas Luthi teve boa saída e garantiu a liderança nos primeiros metros. Franco Morbidelli pulou de sexto para o segundo. Áleix Rins apareceu em terceiro. Jonas Folger lutava para escapar da brita e perdeu muito tempo. Rins levou a melhor sobre Morbidelli. Simone Corsi também foi por cima e empurrou o número 21 para o quarto lugar. Os dez melhores eram Lutho, Rins, Corsi, Morbidelli, Baldassarri, Nakagami, Aegerter, Schrotter, Lowes e Marini.

Rins apertou o ritmo, fez a melhor volta da prova (1min37s297) e ultrapassou o suíço, mas em seguida levou o troco. O espanhol da Pons não desistiu e continuou o ataque brutal. Mais uma vez, tentou a manobra e perdeu a posição ao abrir de mais.Com 20 voltas para fim, Rins reassumiu a liderança na França. Dessa vez, Luthi ficou atrasado. Perdeu o rendimento. Corsi e Baldassarri aproveitaram a brecha. De líder, o número 12 caiu para o quarto lugar.Rins tinha certo controlo da prova. Corsi estava a 0s5 atrás, mas não oferecia risco real.