Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Luanda abre poca no Multiparques

Helder Jeremias - 06 de Junho, 2019

Circuito do Km 30 volta a encher de adeptos depois das frias

Fotografia: Dr

A época 2019 vai proporcionar inovações na organização de provas de karting. A Federação Angolana de Desportos Motorizados está a implementar as recomendações da Federação Internacional de Automobilismo proferidas durante o Encontro Nacional da modalidade no início do corrente ano em Luanda. Os eventos são disputados em simultâneo com o Campeonato Angolano de Supermoto.
A abertura da primeira edição do Campeonato Regional Norte de Karting by Ango-Truck acontece nos próximos dias 15 e 16 do corrente no circuito Multiparques, localizado no Km30, no município de Viana. As equipas sediadas em Luanda, Bengo, Cuanza Norte e Malanje preparam as máquinas e os pilotos.
O novo figurino de organizações contempla também outros eventos similares. Após o da zona Norte, a Federação Angolana de Desportos Motorizados procede à realização do Campeonato Regional Centro, que congrega as províncias de Benguela, Huambo, Cuanza Sul e Bié e o Regional Sul que abarca as províncias de Namibe, Huíla, Cunene e Cuando Cubango.
O novo modelo de gestão dos desportos motorizados vai permitir a racionalização dos recursos das equipas no novo contexto social e económico do país. Os novos regulamentos estipulam que os melhores classificados dos campeonatos regionais vão estar habilitados à disputa de uma grande final para se decidir o campeão nacional.
Para o sucesso da empreitada, a Federação Internacional de Automobilismo recomendou a inserção de empresas na gestão das provas. É nesse diapasão que a FADM trabalha com empresas interessadas a tutelar as provas ao longo da época. Cabe à direcção de Ramiro Barreira responsabilizar-se apenas das questões técnicas e administrativas.
Com o intuito de conferir as melhores condições no palco da competição, uma equipa de especialistas da FADM trabalha na manutenção do circuito Multiparques para acolher a estreia. O modelo vai ser implementado nos circuitos de outras provinciais.
O Jornal dos Desportos apurou \"a existência de equipas que pretendem participar noutros campeonatos para elevar o nível técnico dos pilotos, desde que não coincidem as datas de realização\".
Luanda é o maior pólo de desenvolvimento nacional de karting, seguido de Benguela, Huíla e Namibe, Huambo, Cabinda e Cuanza Sul. A escassez de circuitos citadinos constitui os principais obstáculos ao desenvolvimento de karting no país. A carência de equipamentos e peças sobressalentes é outro motivo.
A par do karting, o Campeonato Angolano de Supermoto também é disputado sob novos regulamentos e recomendações da FIA (Federação Internacional de Automobilismo).