Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Luanda recebe hoje ltimas delegaes estrangeiras

Silva Cacuti - 18 de Março, 2015

Seleco Nacional est pronta para disputar a qualificao do torneio de andebol dos Jogos Olmpicos do Rio de Janeiro

Fotografia: Jornal dos Desportos

Luanda recebe hoje as últimas delegações desportivas para o torneio pré-olímpico que decorre a partir de amanhã até sábado, no complexo da Cidadela Desportiva, com a participação das equipas da Tunísia, Senegal, RDC, além da selecção nacional. A equipa da RDC, que tem chegada prevista para as 18h00, é a última a chegar. A Tunísia, campeã africana, já está desde ontem no país, enquanto o Senegal chega às 12h00.

Quanto a árbitros e oficiais da Confederação Africana de Andebol (Cahb), a maioria chega hoje às 12h00. Já está no país desde ontem o secretário-geral da Cahb, Charles Omboumahou. O presidente da instituição, Aremou Mansorou, chega hoje. Há ainda oficiais com chegada prevista para amanhã e no dia 20.

A Cahb indicou três duplas de arbitragem para o torneio. Trata-se dos marfinenses Yalatima Coulibaly/Mamadou Diabete, os egípcios Mohamed Rashed/Tamer Elsayed e os togoleses Yawovi Dogbo/Lidim Gumedzoe são as duplas convocadas. Internamente, o trabalho de casa está feito. Os presidentes de associações provinciais, convidados da Federação Angolana Andebol, estão em Luanda, depois de, ontem, terem participado na Assembleia-geral.

A selecção nacional está motivada e aguarda pela hora do jogo de abertura. As diversas comissões de trabalho criadas para o evento estão em prontidão. As forças de segurança, jornalistas nacionais, corpo médico e demais agentes já estão credenciados. O pavilhão principal da Cidadela Desportiva está em condições, marcado e pronto para a demanda. O torneio vai apurar a única representante continental na maior cimeira multidisciplinar do desporto mundial que se disputa em 2016 na cidade brasileira do Rio de Janeiro.

De acordo com o calendário do torneio, tornado público, Angola começa a prova diante do Senegal, enquanto a RDC e Tunísia, vice-campeã e campeã, defrontam-se, na abertura. Na segunda jornada, Angola vai defrontar a RDC, enquanto a Tunísia joga com o Senegal. Angolanas e tunisinas defrontam-se no dia 21, no encerramento da prova. A derradeira ronda vai ser aberta pela partida entre a RDC e o Senegal.

LUTO
Atleta consternados

O antigo andebolista Victor de Sousa Araújo "Tó Araujo", actual secretário da Mesa da Assembleia Geral da Federação Angolana de Andebol (Faand), apelou ontem à família do andebol que se junte ao movimento de solidariedade para com as vítimas da chuvas na cidade do Lobito, província de Benguela. A enxurrada causou várias mortes e avultados danos materiais.

O apelo foi feito no final da Assembleia-geral da Faand, cujos trabalhos foram por si dirigidos, na ausência de Rui Falcão Pinto de Andrade.
"Somos angolanos. Onde sofre um, os outros têm de comparticipar. Temos de tirar estas pessoas da situação em que se encontram. O meu apelo vai para os andebolistas e para toda a sociedade angolana de ajudarmos em consciência, porque a ajuda não é só material, mas também moral. Estamos todos a sofrer e devemos todos colaborar", disse.

Falando à Assembleia, Tó Araújo felicitou a direcção da Faand por ter sido eleita como a melhor de África pela Confederação da modalidade. O conclave felicitou também as Associações de Benguela e da Huíla pelo empenho e dedicação na organização dos campeonatos nacionais de juvenis e de juniores, em 2014.
SILVA CACUTI