Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Luto afasta Tumba Silva do Zonal IV

Silva Cacuti - 20 de Abril, 2017

Pugilista recebeu a informação do falecimento da mãe quando se preparava no Huambo

Fotografia: Jose Cola | Edições Novembro

A Selecção Nacional de boxe, que se prepara para competir de 25 do corrente a 1 de Maio no torneio zonal IV, na cidade do Lubango, província da Huíla, acaba de perder uma das suas principais unidades. Tumba Silva, da categoria de 91Kg, teve de ser dispensado do estágio por ter perdido a mãe. O pugilista era uma das esperanças do conjunto angolano para subir ao pódio, segundo Carlos Luís, presidente de direcção da Federação Angolana de Boxe (Faboxe).

A dispensa do \"peso pesado\" afecto ao Interclube, depois de ser aprovado pelo seleccionador em todas os \"sparrings\" (combates treinos) realizados durante o estágio no Huambo, é a nota dominante do último dia de preparação na cidade planáltica. A selecção deixou ontem a cidade do Huambo e já se encontra no palco da competição, onde vai fazer a aclimatação. A vaga deixada por Tumba Silva vai ser ocupada por Carlos Masiya, também do Interclube.

A não indicação do representante angolano nos 60 quilogramas é outra nota. Enrique Carrion, seleccionador nacional, está indefinido. O cubano preferiu adiar a decisão de escolha para avaliar \"melhor\" as competências competitivas dos jovens Francisco Gomes e Victor André. Ambos estão equilibrados no seu desempenho, de tal maneira que embaraçam as opções da equipa técnica.

Nas restantes categorias, o seleccionador nacional confirmou as escolhas de Menayami Mbimbe (81kg), Ovanilson Rocha, pugilista do Cuanza Norte (49kg), Miguel Kembo (52kg), Kilombo Massala (56kg), Naftali Goma, de Cabinda (64kg), Pamelo Nsiona (69kg), Vidal Gaieta (75kg), Carlos Masiya (91kg) e Ferdinando Pedro (+91).A Selecção Nacional cumpriu a fase derradeira da preparação na cidade do Huambo de 9 a 19 do corrente, com um grupo de 19 pugilistas.

ÁRBITROS
ANGOLANOS

Três árbitros angolanos foram convocados para ajuizarem no torneio regional da zona IV que se disputa na cidade de Lubango, província da Huíla, de 25 do corrente a 1 de Maio, segundo o líder federativo, Carlos Luís.\"Vamos ter arbitragem angolana de serviço neste zonal. Foram convocados três juízes. Recebemos a notificação dos árbitros Valter Gonçalves, Nelson dos Santos e Conceição Manaças\", anunciou.

Na edição anterior da prova disputada em Maputo, Moçambique, Angola quedou-se na quarta posição. O Botswana foi campeão com um total de nove medalhas, das quais cinco de ouro, quatro de prata e uma de bronze.  A África do Sul ficou em segundo lugar com duas medalhas de ouro, cinco de prata e duas de bronze. Moçambique foi terceiro classificado com 10 medalhas, sendo duas de ouro, três de prata e cinco de bronze. A Namíbia encerrou o top-5 com uma medalha de ouro e três de bronze. A Suazilândia ocupou, uma vez mais, o último posto com uma medalha de ouro e duas de bronze.