Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Mais atletas caem nas malhas do doping

20 de Abril, 2017

Os Jogos Olímpicos Londres2012, e outras competições internacionais.

Fotografia: AFP

As autoridades russas anunciaram a suspensão por dois anos, de cinco atletas, por  acusar positivo ao esteroide turinabol, em controlos anti-doping efectuados durante os Jogos Olímpicos Londres2012, e outras competições internacionais.

 Entre os cincos atletas suspensos, estão Antonina Krivoshapka e Yevgenia Kolodko, que já tinham sido desapossadas das medalhas de prata que conquistaram na estafeta de 4x400 metros, e no lançamento do peso, respectivamente, em Londres2012.

Krivoshapka pode perder a medalha de ouro, conquistada na estafeta de 4x400 metros, e de bronze que alcançou na prova individual da mesma distância dos Mundiais de 2013, enquanto Kolodko pode ser desapossada da prata, nos Europeus de pista coberta, realizados naquele ano.

Os outros três atletas suspensos, são: Dmitry Starodubtsev, quarto classificado no concurso olímpico do salto a vara, em Londres2012, Vera Ganeyeva e Anna Bulgakova, atletas do lançamento do disco e do martelo, respectivamente.

A Associação de Federações Internacionais de Atletismo (IAAF) impediu os atletas russos de participar nos Jogos Olímpicos Rio2016, na sequência da descoberta de um sistema generalizado de distribuição de doping, com conhecimento e apoio estatal que abrangeu entre outros eventos, Londres2012 e Socchi2014 (Jogos de Inverno).