Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Maldonado volta a ironizar fama de acidentado

01 de Dezembro, 2015

O piloto da Lotus ironizou a fama que lhe é atribuida de ser "causador de acidentes"

Fotografia: AFP

Habituado a protagonizar acidentes na Fórmula 1, Pastor Maldonado esteve do outro lado no Grande Prémio de Abu Dhabi, no fim de semana. O venezuelano foi vítima de um erro de Fernando Alonso, teve a suspensão do seu carro comprometida e teve de abandonar a prova.

Bem-humorado, o piloto da Lotus ironizou a fama de "causador de acidentes" e cutucou a imprensa, dizendo que as confusões só entram em foco quando a responsabilidade é dele. "Infelizmente, acidentes acontecem nesse desporto. Se tivesse sido eu o causador do acidente, seria notícia no mundo todo. Mas é algo a que estamos sujeitos nas corridas", afirmou o piloto em entrevista à BBC.

O acidente ocorreu logo na primeira volta em Yas Marina. Alonso colidiu com o carro de Felipe Nasr e perdeu o controle de sua McLaren, batendo na Lotus de Maldonado. Com a suspensão danificada, o venezuelano não teve outra escolha senão abandonar a última corrida da temporada. Punido, Alonso detonou a decisão da Federação Internacional de Automobilismo (FIA). "Eles precisam melhorar o senso comum", indignou-se o espanhol, certo de que não teve culpa.