Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Mampuia Didi volta competio

07 de Abril, 2015

Clube a que pertence o pugilista nunca manifestou qualquer opinio sobre as consequncias da atitude do atleta que andou suspenso de toda actividade desportiva

Fotografia: M. Machangongo

O pugilista Mampuia Didi “Bijó”, +91 kg, do Interclube, que pôs o árbitro Álvaro António ko, no campeonato nacional de 2013, participa na edição deste ano do nacional, depois da Federação Angolana de Boxe (FABOXE) ter emitido um comunicado em que levanta a suspensão que ­pesava sobre o atleta desde a data. No documento, a FABOXE alega que os factos ocorridos e imputados a Mampuia Didi não estão tipificados nos termos do disposto nos regulamentos da

FABOXE.
Bijó agrediu o árbitro em Agosto de 2013, durante o campeonato nacional, após o anúncio da derrota no seu combate diante de Fernando Pedro, do Electro, como contestação à decisão do júri. Desde então o atleta ficou suspenso e longe dos palcos da modalidade.

O clube a que pertence nunca se pronunciou sobre as consequências da atitude do atleta. Desconhece-se se cumpriu algum castigo internamente.
Segundo apurámos o pugilista faz parte da equipa da Polícia Nacional para tentar a ­revalidação do título do campeonato nacional. Carlos Luís, presidente da FABOXE disse que “o Conselho de Disciplina entendeu que havendo uma queixa crime a decorrer os trâmites legais e cumprido quase dois anos de suspensão, não se justifica a manutenção de impedimentos para que o atleta mantenha a sua carreira e siga em frente”.