Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Manuel António corre no D'Agosto

Gaud?ncio Hamelay, no Lubango - 19 de Janeiro, 2017

Manuel António decidiu trocar, as cores da camisola

Fotografia: Jornal dos Desportos

Depois de 12 anos ligado à equipa da Polícia Nacional, Manuel António decidiu trocar, no início do corrente ano, as cores da camisola. O meio-fundista da Huíla deixa o Interclube para representar a equipa de atletismo do Clube Desportivo 1º de Agosto nas duas próximas épocas desportivas. As melhores condições de vida estão na base da decisão.

Em declarações ao Jornal dos Desportos, o especialista de 800 metros e 1500 metros assegurou que o contrato com o Interclube terminou no dia 31 de Dezembro de 2016 e assinou um novo contrato com o clube "rubro e negro". A nova empreitada tem periodicidade bi-anual com uma cláusula de renovação anual.

"Vou representar o 1º de Agosto na próxima época. O meu contracto com o Interclube terminou no dia 31 de Dezembro de 2016. Com o fim do contracto, assinei um novo para a próxima época com a agremiação do Rio Seco. Os atletas são assim", anunciou.
O novo reforço da equipa militar realçou que os atletas procuram melhores condições de trablho e de vida. O 1º de Agosto disponibilizou aquelas que "são as minhas perspectivas".

"Assim, aceitei assinar pelo 1º de Agosto por uma época. A actividade desportiva é passageira e o atleta não pode ficar estático, quando outro clube quer oferecer o melhor contrato", disse.

Com as cores do 1º de Agosto, Manuel António promete continuar a subir ao lugar mais alto do pódio. O reforço do clube do Rio Seco quer vencer as provas de 800m, 1500m e estafeta 4X400m de todas as competições do calendário da Associação Provincial e da Federação Angolana de Atletismo.
"O 1º de Agosto atribuiu-me a sua confiança e almejo retribuir-lhe com a conquista de títulos. Quero representar as cores da nossa equipa condignamente", disse.

Manuel António participou dos Jogos Olímpicos de Londres'2012 e fixou a marca de 1min52s90 na prova de 800 metros.
A desvinculação do Interclube ocorreu de forma pacífica. As partes concordaram pôr fim ao vínculo contratual para preservar "o carinho e o carisma da direcção".

Os atletas profissionais fazem a leitura do tempo e abraçam as propostas que satisfazem os interesses pessoais, segundo Manuel António.
"A carreira desportiva é curta. Depois de muita reflexão, conversei com a direcção do clube anterior e fiz a mudança", disse.