Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Marc Mrquez admite erro em Austin

18 de Abril, 2019

Invicto nas seis corridas em Austin antes do GP de 2019 parecia bem posicionado para a sete vitrias consecutivas nos EUA

Fotografia: Dr

O piloto da Honda, invicto nas seis corridas em Austin,  antes do GP de 2019, parecia bem posicionado para conseguir sete vitórias consecutivas nos EUA, depois de se afastar da concorrência, nas primeiras voltas.
Depois de estabelecer uma vantagem de 3s8 sobre o segundo colocado, Valentino Rossi, Márquez desfez o seu trabalho duro com uma queda na curva 12, no meio da corrida. Apesar das tentativas frenéticas para ligar novamente o motor da sua moto,  não conseguiu voltar.
Em declarações à imprensa, após a corrida, Márquez lembrou: \"na corrida estava indo muito bem, só que no começo eu estava a fazer 2min04s baixo, depois tive de diminuir para 2min04s médio, o que para mim era um bom ritmo. Eu estava confortável. Às vezes acontece, isso, é corrida. Estou desapontado, foi difícil entender, mas é assim. Agora, precisamos de nos concentrar na próxima corrida, no Jerez e entender isso. Mas estamos, a apenas nove pontos do primeiro, ou seja, Dovizioso. Estou feliz, porque estou no campeonato.\"
Perguntado sobre a natureza exacta do erro, respondeu: \"quero dizer, não sei. Claro, que foi um erro, porque você não pode cair quando tem uma vantagem de 3s5, isso , é um erro. Mas a verdade é que comparamos os dados, e ali estava muito semelhante à volta anterior. Quando você está num ritmo muito constante, quando se sente forte, isso, pode acontecer.\"
Márquez negou uma sugestão, do terceiro colocado Jack Miller, que teorizou que o piloto da Honda foi rápido demais nas primeiras voltas para se afastar do grupo e estava com dificuldades com um pneu dianteiro super aquecido. Nos dados, já comparamos e foi muito semelhante à minha volta mais rápida. Mas é claro, que é um ponto de travagem muito longo e é difícil de entender às vezes”.
E, continua:\"é um erro, mas eu não fiz nada estúpido. Às vezes, eu digo: \'ok, eu estava acima do limite\', mas eu estava dentro do meu limite. Eu estava a correr suavemente, para poupar o pneu dianteiro. Eu não tive nenhum aviso, estava a andar de uma maneira muito boa, mais ou menos, como na Argentina.\"