Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Martina Hingis foi eliminada

04 de Agosto, 2013

Martina Hingis, ex-número um mundial e múltipla campeã foi eleminada

A jogar o seu primeiro torneio desde que se retirou do circuito pela segunda vez (em 2007), Martina Hingis, ex-número um mundial e múltipla campeã de torneios do Grand Slam de singulares e pares, foi eliminada ontem para os quartos-de-final de pares do WTA Premier de Carlsbad, nos Estados Unidos.

Ao lado da eslovaca Daniela Hantuchova, a suíça de 32 anos foi derrotada pelas americanas Rachel Kopps Jones e Abigail Spears, campeãs do Portugal Open 2009, por 4-6, 7-5 e (10-3), em 1h32 de encontro.

Martina Hingis tem ainda mais quatro torneios de pares agendados neste seu regresso à competição, com o primeiro a ser já disputado na próxima semana, em Toronto, Canadá.

SURPRESAS
NOS SINGULARES

Virginie Razzano causou na sexta-feira a maior surpresa da jornada do torneio de Carlsbad ao derrotar a número 7 mundial Petra Kvitova nos quartos-de-final. No encontro mais longo da temporada, a experiente francesa, convidada da organização, necessitou de 3h38 para superar a checa por 6-7 (8), 7-5 e 7-6 (9).

A sérvia Ana Ivanovic e a australiana Samantha Stosur também protagonizaram surpresas nos quartos-de-final do torneio americano.
Ana Ivanovic, ex-número 1 mundial e actualmente no 17º posto do ranking WTA, bateu a italiana Roberta Vinci, nº 11 do Mundo, por 6-1, 6-7 (1) e 6-2, ao passo que Samantha Stosur (nº13)  eliminou a polaca Agnieszka Radwanska, quarta melhor tenista do Mundo, por 7-5, 2-6 e 6-3. 


Feder desiste do Masters 1000


O suíço Roger Federer anunciou sexta-feira que não terá condições de disputar o Masters 1000 de Montreal, que começa amanhã, segunda-feira, por causa de dores nas costas. "Estou decepcionado por não jogar em Montreal na semana que vem", publicou Federer na sua página da rede social Facebook.

A última vez que o suíço entrou em quadra foi no último dia 25 de Julho no torneio de Gstaad, no seu país natal, quando foi eliminado logo na estreia pelo alemão Daniel Brands. Na ocasião, o suíço de 31 anos tinha revelado sofrer com "sérios problemas na coluna".

O ex-número um do mundo, que caiu para a quinta posição do ranking da ATP, teve péssimos resultados nas últimas semanas, com a eliminação na segunda rodada de Wimbledon, torneio que tinha conquistado pela sétima vez no ano passado.

Na quarta-feira, o francês Jo-Wilfried Tsonga, número oito do mundo, também desistiu de participar do torneio de Montreal por causa de dores no joelho. Ambos esperam chegar a 100% no US Open, que começa no dia 26 de agosto.

Enquanto isso, o argentino Juan Martín del Potro, o alemão Tommy Haas, o americano John Isner e o russo Dmitry Tursunov conseguiram  sexta-feira passar para as meias-finais do ATP 500 de Washington, disputado em quadra dura e que distribuirá US$ 1.295.790 em prêmios.

Del Potro, primeiro cabeça-de-série do torneio, mostrou que está completamente recuperado dos problemas físicos na perna esquerda e venceu o sul-africano Kevin Anderson com parciais de 7-6 (7-0) e 6-3, garantindo vaga nas semifinais do torneio. O rival de Del Potro na semifinal de sábado será o alemão Tommy Haas, terceiro favorito do torneio, que derrotou o búlgaro Grigor Dimitrov com parciais de 7-6 (7-5) e 7-6 (7-3).

A outra semifinal será entre o americano John Isner, oitavo cabeça-de-chave, que venceu o cipriota Marcos Baghdatis com parciais de 6-7 (5-7), 6-4 e 6-4, e o russo Dmitry Tursunov, que abriu as partidas das quartas de final superando a revelação do torneio, o australiano Marinko Matosevic, por 6-3, 4-6 e 7-6 (7-4).

Dentro da competição feminina, as semifinais serão entre a alemã Andrea Petkovic e a francesa Alize Cornet e entre a eslovaca Magdalena Rybarikova e a russa Ekaterina Makarova