Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Massa procura melhor início

09 de Abril, 2015

Williams tem chance de alcançar o seu melhor início da carreira caso vença

Fotografia: AFP

Desde os tempos de Sau3ber, no início da carreira, Felipe Massa convive com uma sina: começar mal o campeonato e  melhorar ao longo do ano. Uma de suas metas para 2015, portanto, é aproveitar o entrosamento neste seu segundo ano com a Williams para mudar a situação. E, por enquanto, ainda que não tenha os resultados que planeia antes do campeonato começar, o brasileiro está a ter sucesso.

Com o quarto lugar do GP da Austrália e o sexto da Malásia, soma 20 pontos e ocupa a quarta posição no mundial de pilotos, Massa vive o  terceiro melhor início em termos de pontuação desde que se estreou na Fórmula 1, em 2002. Apenas em 2010, quando somou 33 pontos, e em 2013, quando fez 22 pontos, obteve resultados melhores. Na China, o piloto da Williams tem a chance de alcançar o  melhor início da carreira, caso vença. Assim, podia chegar a 45 pontos, melhor do que os 43 da época de 2007 (quantia actualizada com o sistema actual de pontuação da F-1). Na ocasião, fez um quinto e um sexto lugares nas duas primeiras etapas e venceu a terceira.

O próprio piloto é o primeiro a admitir que uma vitória podia ser surpreendente, tendo em vista o déficit de performance da Williams em relação a Mercedes e a Ferrari.  Porém, o bom começo é motivo de optimismo.

“Foi um início de ano muito melhor que no ano passado, especialmente, então precisamos ver pelo lado positivo e preparar a temporada.
Sabemos que a Ferrari é competitiva e que a Mercedes vem na frente, mas precisamos de continuar a dar o nosso máximo. O nosso alvo no momento é a Ferrari. Temos muito para fazer, mas foi um bom início.”