Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Massa termina em sexto lugar

18 de Abril, 2016

A corrida foi maravilhosa. Foi uma prova muito, muito boa para mim e estou muito feliz”, comemorou.

Fotografia: AFP

O brasileiro Felipe Massa (Williams) terminou na sexta posição do Grande Prémio da China, disputado na madrugada de domingo. Satisfeito por segurar o britânico Lewis Hamilton (Mercedes), o experiente piloto sul-americano deixou o Circuito Internacional de Xangai satisfeito.

Com problemas na Mercedes no treino classificatório, Hamilton saiu em último lugar da grelha e a pilotar de forma agressiva, ganhou uma série de posições. Nas últimas voltas da corrida, ele acossou Felipe Massa, mas o brasileiro defendeu a sexta posição.

“Sabia que o único jeito de ele ficar perto de mim era se o  seu DRS estivesse a funcionar. Teve uma volta em que ele errou na curva nove e fiz com que o DRS não funcionasse mais. Comecei a abrir e vi que ele sofria um pouco com os pneus”, explicou Massa à TV Globo.

O brasileiro visitou as boxes pela última vez na 32ª volta para colocar pneus médios e gostou do funcionamento do plano traçado pela Williams na China. Superado pelo australiano Daniel Ricciardo (Red Bull) e pelo finlandês Kimi Raikkonen (Ferrari) nas voltas finais, Massa terminou em sexto depois de largar em décimo.

“Consegui um ritmo bom e tomei conta dos pneus durante a corrida inteira. A estratégia funcionou de um jeito correcto. Para falar a verdade, acho que fiz mais do que o esperado com os pneus, comparando com as outras equipas”, declarou o brasileiro.

Felipe Massa ainda terminou à frente do companheiro finlandês Valtteri Bottas, que cruzou a linha de chegada em décima posição. “Estou muito feliz. A corrida foi maravilhosa. Foi uma prova muito, muito boa para mim e estou muito feliz”, comemorou.