Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Mayweather nega doao para instituies de caridade

12 de Maio, 2015

Mayweather continua a ser um agarrado

Perto de receber cerca de 180 milhões de dólares por ter vencido o combate frente a Manny Pacquiao, Mayweather disse não sentir qualquer necessidade de doar parte do seu património para instituições de caridade.

Floyd "Money" Mayweather continua a ser um "agarrado" em relação ao dinheiro. Bem próximo de receber cerca de 180 milhões de dólares por ter vencido o combate frente a Manny Pacquiao, o pugilista, também conhecido por “Money”, disse não sentir qualquer necessidade de doar parte do  património para instituições de caridade.

“Oiço pessoas dizer, ‘ele [Mayweather] tem tanto dinheiro, porque não doa algum para África’? ‘Bem, o que é que África fez por mim? O que é que África me deu a mim e aos meus filhos? Há dois lados para cada história”, disse Mayweather a uma rádio norte-americana e  explicou porque não ia doar parte do dinheiro.

“Há quem diga, ‘ele devia fazer doações para isso e para aquilo’. Não. Eu devo doar o meu dinheiro a Floyd Mayweather, para a minha família. Porque é isso que importa”, explicou.

Apesar de considerar-se como um homem de “bom coração”, Floyd Mayweather tem sido duramente criticado pela imprensa internacional e até pelos próprios fãs pela sua atitude gananciosa.