Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

McLaren e Honda "usam"Alonso para atrair Movistar

07 de Abril, 2014

Os rumores sobre a saída de Fernando Alonso da Ferrari para a McLaren, no final da época, voltaram em força e agora com um dado novo.No passado recente foi avançado que o espanhol era o piloto da Honda, construtor que pretendia assegurar o fornecimento de motores à equipa de Woking.A novidade prende-se com a capacidade de atrair um patrocinador forte para a equipa. A Honda e  McLaren,  começaram a actual temporada sem “o principal patrocinador”, por isso  devia ser usada a contratação de Alonso para garantir a Movistar, gigante das telecomunicações de Espanha que comprou os direitos de transmissão do campeonato.

O regresso de Alonso à McLaren devia verificar-se pelas pazes com Ron Dennis, que voltou à liderança da equipa, com Jenson Button a ser o sacrificado - Kevin Magnussen para formar equipa com o espanhol. Para já, à excepção da Honda, todas as partes envolvidas negam, com a McLaren a frisar que a fotografia publicada na sua conta no Twitter onde surgem sorridentes Alonso e Dennis, é apenas o recordar de um momento da sua história, há sete anos, no Bahrain.

Lewis Hamilton lidera
a dobradinha da Mercedes


O britânico Lewis Hamilton venceu o Grande Prémio do Bahrein, realizado na tarde de ontem. Numa dobradinha da Mercedes, o alemão Nico Rosberg ficou em segundo. Já o brasileiro Felipe Massa superou o finlandês Valtteri Bottas na disputa interna da Williams.Posicionados nas duas primeiras colocações do grid, Nico Rosberg e Lewis Hamilton travaram uma luta renhida pela liderança na largada. De maneira arrojada, o piloto britânico levou a melhor e tomou a dianteira ao alemão, seu companheiro na Mercedes.Na 12ª volta, o mexicano Sérgio Perez (Force India) tomou o terceiro lugar de Massa. Quatro giros depois, o alemão Sebastian Vettel (Red Bull) ouviu pelo rádio que o seu companheiro estava mais rápido e abriu para o australiano Daniel Ricciardo, que chegou ao terceiro posto antes de parar pela primeira vez, apesar de ter largado em 13º.

Embora os seus pilotos sejam os dois primeiros colocados no Mundial, a Mercedes mantém a disputa por posição individual. Na 18ª e 19ª volta, Lewis Hamilton e Nico Rosberg lutaram intensamente pela liderança e chegaram a trocar em alternância o primeiro lugar, com vantagem para o britânico.As dez primeiras posições chegaram a ser ocupadas pelas duplas da Mercedes, Force India, Red Bull, Williams e Ferrari, por esta ordem.