Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Mestre Jos Andr Zito suspenso pela federao

10 de Setembro, 2018

Cuanza-sul, de Luanda, Uige e Zaire, bem como a similra da Repblica Democrtica do Congo (RDC).

Fotografia: Jornal dos desportos

O ex-técnico da Selecção Nacional de juniores e juvenis, José André “Zito” (3º Dan) foi suspenso ontem de toda actividade, por ter agredido o vice-presidente da federação, Paulo Jorge, na abertura do torneio internacional disputado sábado, no Pavilhão Principal da Cidadela, em Luanda.  Yuri Villarigues disse ao Jornal dos Desportos, que a direcção da Federação Angolana de Judo (FAJ) reúne-se hoje na sua sede social, para determinar o tempo da suspensão. “É um treinador reincidente neste tipo de praticas. Por isso, é, que tinha sido suspenso quando ainda era o técnico das selecções nacionais de formação, por actos de indisciplina e com isto agrava a sua situação”, esclareceu sobre o processo disciplinar instaurado ao mestre da Escola de Judo José André, do bairro Dangereux. O dirigente da FAJ fez saber que pela gravidade dos factos registados, o técnico pode ser sancionado com uma pena de cinco a dez anos de suspensão. “A Federação de Judo vai tomar todas as medidas necessárias como disciplinarmente e judicial. Vamos levar o caso a todas instâncias”, destacou Yuri Villarigues. “Zito” André agrediu o dirigente da FAJ e também coordenador do torneio depois de ter sido solicitado à sua saída do interior do recinto dos combates por falta de credencial, mas insatisfeito com o pedido invadiu o local e partiu para a via de factos. “Sentimos ainda mais por ser um membro da Polícia Nacional. Deveria procurar a ajudar a manter a ordem e a tranquilidade”, comentou insatisfeito o responsável do Conselho de Disciplina da federação. Além da Selecção Nacional masculina, o torneio contou também com  os mistos provinciais do Cuanza-sul, de Luanda, Uige e Zaire, bem como a similra da República Democrática do Congo (RDC).