Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Mil pessoas são esperadas na São Silvestre de Coimbra

20 de Dezembro, 2014

A organização da 37ª São Silvestre de Coimbra, que se realiza no dia 28, espera a participação de um milhar de atletas, disse à agência Lusa Luís Gaspar, da Escola de Atletismo

Fotografia: AFP

"Neste momento, já temos 500 inscritos e validados, mas o nosso objectivo é chegar aos mil", sublinhou o responsável da prova, que lamenta o facto de a São Silvestre do Porto ter sido adiada para o mesmo dia.

Segundo Luís Gaspar, a realização da corrida na cidade portuense pode "roubar" alguns atletas a Coimbra, embora não se preveja que seja em número significativo. Para já, acrescentou, estão confirmadas as presenças dos atletas Hermano Ferreira, que vai ser o padrinho da prova, e de António Silva e Ricardo Dias, todos do Sporting Clube de Portugal. Com uma extensão de cerca de dez quilómetros, a São Silvestre de Coimbra inicia-se e termina junto ao Pavilhão Multidesportos Mário Mexia, na Praça Heróis do Ultramar, passando pela Baixa de Coimbra.

Jon Drummond é suspenso por tráfico


O ex-velocista e treinador americano Jon Drummond foi suspenso por oito anos, por posse de tráfico e administração de substâncias dopantes em 2012, anunciou a Agência Americana Antidoping. Jon obteve a medalha de ouro na estafeta 4x100m nos Jogos Olímpicos de Sydney, em 2000 e trabalhou com Tyson Gay.

Um tribunal independente formado por oito pessoas definiu que Drummond é culpado. O americano treinou Tyson Gay de 2007 até 2013 e ocupava a função quando o atleta, também dos Estados Unidos, deu positivo para uso de oxilofrina.

“Os treinadores têm a responsabilidade de proteger os atletas, sem se aproveitarem deles, de formá-los para que possam vencer de maneira justa, sem infringir as regras”, afirmou o presidente-executivo da Agência Americana Antidoping, Travis Tygart, em comunicado.

A punição começou a valer na última quarta-feira e vale até Dezembro de 2022. Nesse período, Drummond, que foi técnico de estafeta da selecção dos EUA nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, não pode treinar e nem assessorar nenhum atleta, nem participar de nenhum evento organizado pela Federação Americana de Atletismo (EUA Track & Field) e pela Federação Internacional de Atletismo (IAAF).

No começo deste ano, Drummond processou o ex-pupilo e a agência, por alegar que o velocista proferiu declarações falsas sobre si  e que a entidade as tornou públicas.

Recordista americano dos 100 metros e dono da segunda melhor marca de todos os tempos, com 9s69, Tyson Gay deu positivo por esteróides em Julho de 2012 e foi suspenso por um ano, após beneficiar de uma redução de pena por colaborar na investigação da agência americana.

O Tribunal que estudou o caso chegou à conclusão que Drummond intermediou entre Tyson Gay e Clayton Gibson, que proporcionou ao velocista a substância acusada nas análises.