Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Militares prometem revalidar "Maro Mulher"

Rosa Napoleo - 24 de Fevereiro, 2018

Judocas de todo o pas voltam a competir em Luanda

Fotografia: Edies Novembro

As equipas seniores de judo do 1º de Agosto trabalham afincadamente, com vista à revalidação do Torneio Março Mulher  que decorre de 9 a 10 de Março, no Complexo da Cidadela Desportiva. Os conjuntos agostinos dominam a competição há três épocas consecutivas e pretendem continuar com a mesma prestação.
Em conversa com o Jornal dos Desportos, o técnico principal da equipa, o Mestre Gudas, disse que pretende preservar o título.
\"Somos os favoritos da prova, uma vez que dominamos o evento desde 2015. Este ano, queremos vencer novamente e conservar o título\", desejou.
Mestre Guda alegrou-se ainda com o facto da comissão técnica federativa dispensar os atletas da selecção nacional para apoiarem os clubes.
\"Temíamos competir em número reduzido. O clube cedeu muitos atletas à selecção que vai ao Campeonato Africano da Tunísia. Agora, sabemos que contamos com todos os atletas, pois estão dispensados\", manifestou-se regozijado.
O evento desportivo visa saudar o mês dedicado à mulher e conta igualmente com a participação das equipas de todo o país. Neste momento, estão já confirmadas as presenças do 1º de Agosto, Interclube, Desportvo da Banca, Escola Macov, Escorpiões da Boa Fé, Ende e o Uragan. As províncias de Benguela, Malanje, Huambo e Uíge também já deram luz verde. As confirmações devem perdurar até terça-feira. 
A competição vai ser disputada no sistema por equipas e premiar os vencedores com taças, medalhas e certificados de participação. 
O programa da prova refere que as equipas devem custear as deslocações, hospedagem e alimentação.        As equipas seniores de judo do 1º de Agosto trabalham afincadamente, com vista à revalidação do Torneio Março Mulher  que decorre de 9 a 10 de Março, no Complexo da Cidadela Desportiva. Os conjuntos agostinos dominam a competição há três épocas consecutivas e pretendem continuar com a mesma prestação.
Em conversa com o Jornal dos Desportos, o técnico principal da equipa, o Mestre Gudas, disse que pretende preservar o título.
\"Somos os favoritos da prova, uma vez que dominamos o evento desde 2015. Este ano, queremos vencer novamente e conservar o título\", desejou.
Mestre Guda alegrou-se ainda com o facto da comissão técnica federativa dispensar os atletas da selecção nacional para apoiarem os clubes.
\"Temíamos competir em número reduzido. O clube cedeu muitos atletas à selecção que vai ao Campeonato Africano da Tunísia. Agora, sabemos que contamos com todos os atletas, pois estão dispensados\", manifestou-se regozijado.
O evento desportivo visa saudar o mês dedicado à mulher e conta igualmente com a participação das equipas de todo o país. Neste momento, estão já confirmadas as presenças do 1º de Agosto, Interclube, Desportvo da Banca, Escola Macov, Escorpiões da Boa Fé, Ende e o Uragan. As províncias de Benguela, Malanje, Huambo e Uíge também já deram luz verde. As confirmações devem perdurar até terça-feira. 
A competição vai ser disputada no sistema por equipas e premiar os vencedores com taças, medalhas e certificados de participação. 
O programa da prova refere que as equipas devem custear as deslocações, hospedagem e alimentação.