Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Ministra defende adequao dos campos s exigncias internacionais

13 de Abril, 2019

A ministra auscultou os problemas que assolam classe juvenil do Cacolo

Fotografia: Edies Novembro

A ministra da Juventude e Desporto, Ana Paula do Sacramento Neto, defendeu na quarta-feira, no município do Cacolo, província da Lunda - Sul, a adequação arquitectónica dos campos polidesportivos, às exigências internacionais.A governante teceu tais considerações, durante uma visita de constatação às obras de quadras polidesportivas,  na municipalidade de Cacolo, na companhia do governador provincial, Daniel Neto, realçou que para tal deve ser criada uma equipa que ajude a melhorar o que está a ser feito.

Ana Paula do Sacramento sugeriu, o melhoramento de balneários públicos, espaço para facilitar a locomoção de deficientes físicos, portas de saídas emergentes, espaço para estacionamento de viaturas, para mais de três mil viaturas, e bancadas para mais de 20 mil espectadores.

Na mesma senda, visitou o parque infantil comunitário de Cacolo, onde recomendou a Administração Municipal local a tercerizar os serviços, para a posterior rentabilização, através da realização de eventos que facilitem a arrecadação de receitas para a manutenção dos equipamentos e do espaço.

A ministra auscultou os problemas que assolam à classe juvenil do Cacolo, com destaque ao plano de desenvolvimento da juventude e à sua inserção na vida activa, formação técnico profissional, empreendedorismo e emprego, melhoria da qualidade de vida e saúde sexual e reprodutiva, bem como consumo desregrado de bebidas alcoólicas e de drogas.

No encontro, os jovens apresentaram as preocupações ligadas aos sectores da educação e ensino, habitação, emprego, formação profissional, massificação do desporto, espaços de lazer, equipamento desportivo, acesso ao ensino superior, atribuição de bolsas de estudos, energia, água, saúde, criação de núcleos universitários, crédito jovem, fomento agrícola, extensão da rede de telefonia móvel, rádio e televisão.

Em resposta, a ministra da Juventude e Desportos disse, que os problemas apresentados pelos jovens são conjunturais e o ministério vai continuar a trabalhar com seus parceiros, para continuar a melhorar as condições dos jovens.

No tocante à política do desporto, nas várias modalidades, o Ministério da Juventude e dos Desportos está a trabalhar em parceria com o da Educação, no sentido de massificar estas disciplinas nas escolas, com vista a ocupar os tempos livres dos jovens e desvendar talentos no basquetebol, andebol, futebol e voleibol.

Quanto à atribuição de bolsas de estudo, internas e externas, Ana Paula do Sacramento Neto  prometeu trabalhar junto do INABE e instituições de direito, para se encontrar modalidades e critérios para a sua melhor distribuição pelo país.Apelou aos jovens a serem cada vez mais responsáveis, sobretudo, no consumo desregrado de bebidas alcoólicas, drogas, sexo desprotegido que resultam na gravidez precoce e o abandono de crianças por motivos de desemprego.A governante mostrou-se preocupada com o índice elevado da gravidez precoce no seio da juventude, chamou à atenção a esta franja, a terem mais responsabilidade.