Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Minjud herda aldeamento

Silva Cacuti - 06 de Outubro, 2018

A cerimnia de entrega das instalaes foi testemunhado pela Ministra da Juventude e Desportos

O Ministério da Juventude e Desportos (Minjud) procura no mercado interno uma empresa que se encarregue da reparação e da modernização do aldeamento que lhe foi entregue pela gestão da Zona Económica Especial Luanda/Bengo. A realização do concurso para encontrar a empresa em causa está para breve e foi anunciada por Lizeth Fernandes, Directora para Infra-estruturas do Minjud, aquando da cerimónia de entrega do empreendimento,  na quinta-feira.
“Este acto tem um grande significado, porque nos permite aproveitar as infra-estruturas já existentes, executadas pela Zona Económica, para futuro alojamento das selecções, clubes e população em geral”, disse.
A instituição vai ter uma gestão partilhada pelo facto de estarem situadas dentro da ZEE.
Lizeth Fernandes não avançou um horizonte temporal para o usufruto da infra-estrutura, mas realçou que o primeiro passo é encontrar quem a vai reabilitar.
“O Minjud vai realizar concurso para seleccionar as empresas com capacidade técnica para  reabilitar esta infra-estrutura. Este será o primeiro passo. Não temos um horizonte temporal. Primeiro contamos a reabilitação e, depois, abrir para o público”, anunciou.
O aldeamento de habitações contentorizadas, com capacidade para 90 camas, comporta uma quadra polidesportiva, ginásio,  centro médico, piscina, restaurante para cerca de 100 pessoas,  campo sem relva para futebol de sete e terrenos adjacentes.
Devido ao tempo de inoperância, os alojamentos denotam sinais de degradação. A deterioração é também visível no piso de cimento da quadra polidesportiva. O restaurante, o ginásio e no centro médico estão a ser explorados e em óptimas condições.
A cerimónia de entrega das instalações foi testemunhado pela Ministra da Juventude e Desportos, Ana Paula Sacramento Neto, e o termo de entrega rubricado por António Henriques da Silva, PCA da ZEE, e Elizeth Fernandes.