Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Minjud realiza Conselho Consultivo alargado

Francisco Carvalho - 29 de Outubro, 2018

Ministra Ana Paula Sacramento Neto procede amanh abertura do evento

Fotografia: EDIES NOVEMBRO

A Ministra da Juventude e Desporto, Ana Paula Sacramento Neto, procede amanhã, às 10h00, no anfiteatro do Instituto de Finanças Públicas, no Distrito do Cacuaco, à abertura do XI Conselho Consultivo Alargado do seu pelouro, sob o lema \"Juventude e Desportos, uma Geração, Novos Desafios\". O evento conta com todos os membros ordinários e extraordinários da instituição, parceiros sociais e convidados.
À mesa de trabalho, os participantes vão avaliar as estratégias do Ministério definidos em 2012 no Plano Nacional de Desenvolvimento 2013-2017, que actuaram como as linhas de forças, e reformulá-las para se adequarem à conjuntura e aos desafios do presente e do futuro em concordância com o lema do evento.
Constam da ordem de trabalho o balanço do grau de cumprimento das recomendações do X Conselho de 2017, o balanço das infra-estruturas juvenis e desportivas do país, com destaque a mais nova adquirida na Zona Económica Especial.
No ponto III, a Direcção Nacional da Juventude leva à discussão a Política do Estado sobre a juventude. No IV ponto, as questões jurídicas e o associativismo desportivo vão merecer acessos debates.
A Direcção Nacional dos Desportos vai apresentar o balanço da participação de Angola nos Jogos da CPLP (São Tomé\'2018) e o estado de preparação dos Jogos da Região V no Botswana\'2018, assim como a participação das selecções nacionais nos eventos internacionais.
Na medicina desportiva, a criação da Comissão Instaladora Anti-Dopagem de Angola, a Lei Anti-Dopagem, a obrigatoriedade da avaliação médica desportiva, integração de equipas médicas nas delegações desportivas, estatísticas médico-desportivas e a cardio-protecção das instalações desportivas vão dominar a sessão.No final do evento, a Ministra Ana Paula Sacramento Neto procede ao encerramento.

FORMAÇÃO
COA  forma  dirigentes  desportivos

O Comité Olímpico Angolano (COA) pretende formar mil dirigentes desportivos na presente olimpíada que termina em 2020. As acções formativas vão ser ministradas por todo o país e supera em 200 o número de personalidades formadas no anterior quadriénio. A revelação é do Secretário Geral, António Monteiro " Bambino", na abertura do primeiro curso, denominado "A", que decorre nas instalações do Comité paralímpico Angolano (CPA) com mais de trinta participantes.
António Monteiro assegurou que em Novembro próximo começa o segundo curso, com a designação de B. Os dois cursos contam com a presença do Director Nacional de Solidariedade Olímpica, Rogério Silva, antigo presidente da Federação Angolana de Xadrez, Academia Olímpica e do COA.
Jogos Olímpicos, Valores olímpicos, os Jogos Olímpicos da Era Moderna, a participação de Angola nos Jogos Olímpicos e a Estrutura do COA constam dos temas abordados por Rogério Silva, Domingos Pascoal, presidente da Federação Angolana de Esgrima e coordenador do curso A, e António Monteiro.
A partir de hoje entram em acção os professores Mayoma Nzita, Pedro Agostinho, Pedro Godinho, Stela Cristiano (do Centro de Medicina Desportiva), Domingos Torres, Jucelino Bento e convidados da Associação Mulher e Desporto, Ministério da Juventude e Desportos e da Comunicação Social para abordarem as questões relacionadas com "a mulher e desporto", "a relação do Executivo com Desporto" e "o desporto e a comunicação social".