Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Nacionais registam equilíbrio

Gaudêncio Hamelay, no Lubango - 21 de Dezembro, 2014

Campeonatos de iniciados que decorrem no Lubango registaram muito equilíbrio na primeira fase que ontem terminou

Fotografia: Domingos Cadência

Os níveis técnicos e competitivos proporcionados pelas equipas participantes nos campeonatos nacionais de sub-14, em ambos os sexos, durante a primeira fase que terminou ontem, no Lubango, foram considerados “positivos” pelos treinadores presentes na competição.

Na hora do balanço do que foi a primeira fase da prova, Afonso Rodrigues, técnico principal da equipa masculina do Sporting Clube de Benguela, considerou que o campeonato de iniciados apresenta muita qualidade e com jogos muito equilibrados.

O técnico afirmou ser a primeira vez que participa num campeonato do género. Por isso, manifestou ter observado existir jogadores de futuro a evoluírem e a jogar muito bem. Admitiu haver algumas anomalias e acredita que, com o tempo, vão ser melhorados esses pormenores neste escalão.

Afonso Rodrigues reconheceu que as formações participantes são muito fortes, como é o caso do Petro de Luanda que “ao meu olhar é a mais forte, que está neste campeonato com jogadores excelentes". A par disso, citou o 1º de Agosto, 1º de Maio de Benguela, Vila Clotilde e Progresso por possuírem atletas com bom traquejo.

Por seu turno, o técnico-adjunto do Petro de Luanda, Adelino Swing, fez um balanço e na sua opinião, a arbitragem não está preparada e o nível técnico dos petizes também não é satisfatório em relação à edição passada.

O objectivo do Petro de Luanda nesta prova passa por ganhar todos os jogos para revalidar o título nacional. Na fase derradeira que hoje começa com a disputas das meias-finais quer ver a sua equipa a entrar e a jogar com vontade de vencer cada partida.

Nesta competição, a formação que pode complicar é o Sporting Clube de Benguela, tendo sublinhado que essa equipa melhorou muito em relação ao último campeonato. “O Sporting está mais unido e com jogadores com qualidade. Enquanto o 1º de Agosto e o Interclube são equipas do nosso campeonato e conhecemos bem os seus valores”, argumentou.

“O nosso objectivo é revalidar o título. Fizemos uma viagem de longa distância de Luanda ao Lubango. Então, nada melhor que sair do Lubango como campeão para minimizar a distância”, prometeu.

Adelino Swing afirmou que as vitórias que tem vindo a alcançar nesta competição são resultado de muito trabalho. Avançou que as equipas femininas só têm duas com uma evolução significativa. Indicou as Formigas do Cazenga e Sporting Clube de Benguela.

O adjunto de Victoriano Bodulha contestou sobremaneira o trabalho das equipas de arbitragem presentes nestes nacionais em sub-14 em masculino e feminino.

De acordo com o secretário-geral da associação de basquetebol da Huíla, Diogo Gomes, no decorrer dos nacionais constata-se um nível competitivo bastante positivo e ressaltou que as equipas desde a primeira jornada até à última ronda da primeira fase evoluíram de forma satisfatória.

"O campeonato decorre sem sobressaltos. Não há situações pontuais que têm a ver com a interpretação de regulamentos neste escalão”, pontualizou.

Diogo Gomes aclarou que as formações que passaram para a outra fase das meias-finais são as melhores que estão a praticar o basquetebol a nível deste campeonato. Num outro ângulo, a organização proporcionou momentos turísticos às caravanas desportivas participantes aos locais de interesse da cidade do Lubango, com visitas à Tundavala, Serra da Leba e ao Monumento do Cristo Rei.

O responsável informou que foi muito importante porque serviu também para os jovens terem mais conhecimentos sobre a realidade da província da Huíla no tocante ao seu potencial turístico.


Finalistas da prova
são conhecidos hoje


O Petro de Luanda e Vila Clotilde discutem hoje, a partir das 12h00, no pavilhão multiusos da Nª Senhora do Monte, o passe para a final dos nacionais de basquetebol em sub-14 em masculino, que conhece o seu final segunda-feira, na cidade do Lubango.

O outro desafio opõe a formação do Sporting Clube de Benguela ao 1º de Agosto. Este jogo acontece apenas às 18h00, no mesmo recinto. O Sporting de Benguela terminou a primeira fase na segunda posição, igualmente com 12 pontos, enquanto o 1º de Agosto ocupou o terceiro lugar com 8 pontos.

Nas meias-finais da competição feminina e com o primeiro jogo marcado para as 14h00 no pavilhão multiusos da Nª Srª do Monte medem forças as duas equipas benguelenses com um basquetebol muito semelhante, Interclube e Sporting Clube de Benguela. Às 16h00 defrontam-se as formações do Formigas do Cazenga e o Interclube de Angola.