Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Nacional de corta-mato custa 2 milhes de kwanzas

Pedro Futa - 20 de Fevereiro, 2020

Interclube defende ttulo sob presso do Petro de Luanda e 1 de Agosto

Fotografia: Arimatea Baptista | Edies Novembro

Os campeonatos nacionais de corta-mato decorrem no sábado, no município da Humpata, província da Huila, numa extensão de dez quilómetros e estão avaliados em 2,7 milhões de kwanzas. A informação é do presidente da Federação Angolana de Atletismo, Bernardo João.Em declarações ao Jornal dos Desportos, Bernardo João sustentou que o dinheiro é destinado ao transporte e à alimentação das delegações participantes, dos quais 13 membros da Federação, distribuídos em juízes e cronometristas.

O dinheiro cabimentado no Orçamento Geral do Estado para o Atletismo não satisfaz as necessidades programadas. Bernardo João não se contentou com o valor face às restantes provas programadas para a época 2020.\"O Ministério da Juventude e Desportos disponibilizou dez milhões de kwanzas. Com esse dinheiro, vamos salvaguardar a São Silvestre de Luanda\", justificou.Bernardo João assegurou que a Federação procura patrocínios junto das instituições empresariais para \"suportar as despesas de mais de oito provas\". Contudo, mostrou-se regozijado com a reunião de trabalho com a ministra Ana Paula do Sacramento Neto.

\"Estou satisfeito. Foi um diálogo aberto. A ministra apresentou a realidade do país. Agora, com o pouco recebido, cabe às Federações criarem as dinâmicas junto das empresas para conseguirem atingir os objectivos\", frisou. Para os campeonatos nacionais de corta-mato estão confirmadas as equipas do 1º de Agosto, Petro de Luanda, Interclube, Núcleo São João do Huambo, Atlético do Namibe, Desportivo da Saúde da Huíla, Benfica do Lubango, Clube Desportivo da Huíla, Inter da Huíla, Jamba Sport Clube e Ferroviário de Lubango.

Por falta de alojamentos a preços módicos na cidade de Lubango, os representantes da Lunda Sul, num total de 13 elementos, viram-se impedidos de participar da competição nacional, segundo Bernardo João.O Interclube é o detentor do título nacional. David Elias e Ernestina Paulino, ambos da equipa da Polícia Nacional, ostentam os títulos individuais com as marcas de 34min24s (10 km) e 31min06s (8 km).