Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Nadar 12 Horas atarefam atletas

Rosa Napole?o - 23 de Março, 2017

A entrega de bens ao Lar Beiral vai ser feita em data a anunciar.

Fotografia: Jornal dos Desportos

Os nadadores do Clube Náutico da Ilha de Luanda estão empenhados na preparação do Festival \"Nadar 12 Horas\", agendado para 30 de Abril, na piscina de 25 metros daquela instituição desportiva. Atletas no activo e antigos, assim como dirigentes, exercitam todos os dias a componente física nas areias da praia de Luanda.

Nadar 12 Horas é uma competição de carácter filantrópica e a organização conta com apoios de algumas personalidades singulares e colectivas. A título de exemplo, a empresa Refriango e outras garantiram a doação de bens diversos. Outros produtos são aguardados no dia da disputa da competição. Cada concorrente vai apresentar-se com um produto não perecível que serve de bilhete.

As inscrições de participação decorrem nos dias úteis de trabalho na sede do Clube Náutico da Ilha de Luanda. Cada interessado deve fazer-se acompanhar de um bem não perecível. Em declarações ao Jornal dos Desportos, o coordenador das actividades do Clube Náutico da Ilha de Luanda, Nelson Benjamim, disse que o projecto está aberto às ajudas das instituições que se solidarizam com a causa.

\"Queremos minimizar as necessidades dos idosos do Lar Beiral. Felizmente, já começamos a receber os patrocínios e quem quiser fazê-lo, pode localizar-nos no Clube Náutico\", disse. Nadar 12 horas é uma \"prova solidária\". É disputada em formato de estafeta. Estão mobilizadas pessoas ligadas à natação, mormente, treinadores, dirigentes, atletas no activo e antigos de diferentes clubes.

Depois de vários festivais de angariação de bens para as instituições de caridade, desta vez, \"Os Nadadores da Solidariedade\", coordenados por Nelson Benjamim, João Mendes, Andrício Domingos, Carlos Alberto e Clube Náutico da Ilha de Luanda compadeceram-se com o Lar Beiral, afecto às pessoas da terceira idade.

Na lista de donativos a angariar, os promotores esperam receber leite, papas, iogourtes, sumos, frutas, bolachas, açúcar, óleo, sal, feijão, arroz, grão, café, fraldas, cotonetes, camas, berços hospitalares para adultos, lençóis, resguardos de borracha, colchões, mosquiteiros, roupas, calçados, livros, cadernos, canetas, lápis, cadeiras de rodas, monitores, aspiradores, nebulizadores, frascos de drenagem, laringoscópios, bolas de oxigénio, fontes luminosas, ente outros. A entrega de bens ao Lar Beiral vai ser feita em data a anunciar.
RP