Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Nasr quer repetir bom desempenho

20 de Outubro, 2016

O Grande Prémio dos Estados Unidos foi bastante agitado,

Fotografia: DR

À medida que mais uma prova da Fórmula 1 se aproxima, desta vez o Grande Prémio dos Estados Unidos, em Austin, os pilotos demonstram a sua ansiedade pela corrida. É o caso do brasileiro Felipe Nasr que planeia bons resultados em solo norte-americano nesta temporada, a exemplo de quando conseguiu a nona posição na mesma pista, no último ano.

“No ano passado, o Grande Prémio dos Estados Unidos foi bastante agitado, com as condições meteorológicas que  levaram à uma corrida emocionante. Terminar na nona posição foi uma bela realização, dado que foi o GP de número 400 para a Sauber. A pensar neste ano, estou ansioso para correr nesta grande pista novamente”, comentou o piloto brasileiro no site oficial da F1.

A planear ter resultados tão bons quanto os de 2015, em Austin, Nasr prevê um avanço na competitividade da Sauber, com a equipa mais preparada para fazer os seus pilotos pontuarem.“Vou fazer o melhor que eu possa, para que possamos alcançar um resultado semelhante ao do ano passado, já que marcar pontos, obviamente, é o nosso objectivo. Estou confiante de que estamos a manter um bom trabalho para melhorar a Sauber, a fim de tornar mais competitivo”, acrescentou.

REAL MADRID
Luka Modric prolonga contrato até 2020

Luka Modric renovou com o Real Madrid por três temporadas, até Junho de 2020, anunciou nesta terça-feira o clube. "O Real Madrid e Luka Modric entraram em acordo para a ampliação do contrato, fica vinculado ao clube até 30 de Junho de 2020", explicou a equipa merengue em comunicado. Modric chegou ao Real em 2012 oriundo do Tottenham, tinha contrato até Junho do próximo ano. Ele é um dos jogadores mais queridos do público de Santiago Bernabéu.

PUNIÇÃO
Federação espanhola paga ao Grupo Mediapro

A Federação Espanhola de Futebol foi condenada a pagar mais de um milhão de euros (1.032.000) ao Grupo Mediapro, pelo Tribunal de Madrid, por serviços prestados durante o Mundial'2014 , informou na terça-feira a empresa de comunicação. "A Federação alegou que o responsável do projecto não tinha autoridade para assinar contrato, deu uma desculpa para não pagar parte do montante", referiu a Mediapro e acrescentou que o organismo fez os primeiros pagamentos, mas não pagou o restante.

DEPOIS DOS JOGOS DE BAKU
Europeus-2019 sem candidaturas 

A dificuldade de encontrar candidatos para sediar os grandes eventos desportivos está a atingir os Jogos Europeus, inaugurados em 2015 com disputa em Baku, no Azerbaijão, e que ainda não têm local para realização dentro de três anos, diferente daquilo que esperava a organização.

A associação de Comités Olímpicos do Velho Continente tenta solucionar o problema a partir de hoje, em Minsk, capital de Belarus, onde vai acontecer a reunião do Comité Executivo da entidade, enquanto no sábado acontece a assembleia geral.

"Antes de Dezembro tem de ser definida uma sede. Os Jogos Europeus vão acontecer sim ou sim. Veremos se algum comité apresenta proposta, mas que seja para fazer tudo bem. Os Jogos são um compromisso que vamos manter", afirmou à Agência EFE o presidente do Comité Olímpico Espanhol, Alejandro Blanco.

Segundo o dirigente, a grande dificuldade para definir uma sede é que Baku  estabeleceu um patamar muito alto no ano passado, para  realizar um evento de nível muito parecido ao dos Jogos Olímpicos.