Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Nastyukhin aplica nocaute em apenas seis segundos

29 de Maio, 2016

Com apenas seis segundos de luta, o russo acertou um fortíssimo cruzado de esquerda derrubando o adversário

Fotografia: AFP

Com apenas seis segundos de luta, o russo acertou um fortíssimo cruzado de esquerda derrubando o adversário e finalizou o combate com um violento chute na cabeça.

Essa é a quinta vez que Nastyukhin finaliza uma luta com menos de um minuto e todas as suas vitórias no ONE Championship terminaram com um chute na cabeça do adversário como parte do ‘golpe final’. Aos 26 anos, o russo coleciona na carreira um cartel com nove vitórias e apenas duas derrotas.


DOPING
Atletas russos flagrados

 em novas análises

Oito atletas russos que participaram dos Jogos Olímpicos de Londres-2012 testaram positivo em novas análises de amostras colectadas na época do evento, anunciou ontem o Comité Olímpico da Rússia (COR).

Na sexta-feira, o Comité Olímpico (COI) anunciou que essas novas análises apontaram resultados "anormais" para 23 atletas de seis países, em cinco modalidades. "O COI informou oficialmente o Comitê Olímpico Russo que os resultados das amostras colectadas durante os Jogos Olímpicos de Londres deram resultados positivos para oito atletas russos de três modalidades", informou o COR num comunicado.

"De acordo com o regulamento internacional, os nomes dos atletas só serão divulgados depois da análise da amostra B", completou a entidade. A Rússia já tinha revelado o número de atletas flagrados do país na semana passada, quando reconheceu que 14 testaram positivo nas 'reanálises' das amostras de Pequim-2008, de um total de 31 atletas de 12 países e seis modalidades.

A Federação russa de atletismo anunciou na terça-feira que qualquer atleta russo "pego por doping no passado" não poderá disputar os Jogos do Rio-2016. Na verdade, o todos os atletas do país corre sério risco de fora das provas da modalidade na Cidade Maravilhosa, por conta da suspensão imposta em novembro pela Federação Internacional de Atletismo (IAAF), depois de denúncias de "doping organizado".