Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

O GP da Gr-Bretanha de 2018 chegou a ser cancelado por mau estado da pista

11 de Março, 2019

Um novo trabalho necessrio para o circuito obter a sua licena Grau A da FIM necessria para sediar a MotoGP este ano

Fotografia: AFP

O local do GP da Grã-Bretanha de Fórmula 1 e MotoGP, Silverstone, volta a ser asfaltado este ano, após o cancelamento da corrida de 2018 da MotoGP. A pista foi reasfaltada pela empresa Aggregate Industries antes da temporada passada, mas em meio a fortes chuvas no fim de semana da MotoGP, as corridas tiveram que ser canceladas e uma investigação foi feita.
O Motorsport.com entende que um novo trabalho é necessário, para o circuito obter a sua licença Grau A da FIM, necessária para sediar a MotoGP este ano, a 25 de Agosto. Dado o grande calendário de Silverstone, o trabalho – descrito num comunicado da Silverstone Circuits Limited como \"manutenção essencial do asfalto\" – foi agendado para Junho.Isso significa que o trabalho será feito após a prova de Endurance do Blancpain GT Series, de 11 a 12 de Maio, e do British GT, de 8 a 9 de Junho.
A corrida da F1 ocorre de 10 a 12 de Julho. Embora seja improvável que os eventos internacionais sejam afectados, isso significou o cancelamento de duas reuniões do BRDC: o evento MG Car Club MG Live, originalmente programado para 15 e 16 de Junho, e a visita ao 750 Motor Club, de 22 a 23 de Junho. O comunicado de Silverstone acrescentou, que espera ajudar os clubes a encontrar datas alternativas no final do ano.
Enquanto isso, o chefe desportivo da F1, Ross Brawn, acredita que é improvável que Charles Leclerc vença o seu companheiro de equipa na Ferrari, Sebastian Vettel, na sua primeira temporada na equipa italiana.
Perguntado se ele achava que Leclerc poderia realmente vencer Vettel na sua primeira temporada com a equipa, Brawn disse: \"eu ficaria surpreso, honestamente. Sebastian é muito bom.
Se isso o perturbar um pouco, acho que será uma coisa que a equipa terá que administrar. Não necessariamente Charles vencendo ele, mas o facto de ele poder desestabilizá-lo.\"Brawn reconheceu Leclerc como o jovem piloto a se prestar atenção em 2019.\"Eu acho que ele é o número um nesse aspecto. Ele teve um óptimo primeiro ano, e agora está numa equipa de topo. Conversando com algumas das pessoas que conheço na Ferrari, elas ficaram muito impressionadas com a sua abordagem e atitude.
 Acho que ele é muito especial.\"Brawn acredita que a equipa de Maranello está em muito melhor forma neste ano, com uma atmosfera mais calma prevalecendo sob o novo chefe da equipa Mattia Binotto, que substituiu Maurizio Arrivabene em Janeiro. \"A equipa estava um pouco desordenada no ano passado, com Sergio Marchionne falecendo e claramente houve algum atrito na equipa entre Maurizio e Mattia. Não foi tranquilo. Então não foi um ambiente fácil no último ano.
Apesar de eles terem um bom carro e serem fortes às vezes, se você for derrotar Lewis Hamilton e a Mercedes você precisa estar muito bem. Mas tenho a sensação de que este ano será mais forte para eles.\"Brawn disse ainda que viu evidências de uma nova abordagem na equipa italiana, quando visitou o segundo teste de Barcelona no mês passado.\"Passei algum tempo na garagem. Ambiente agradável e calmo, trabalho construtivo. Acho que conheço Mattia Binotto muito bem, ele vai trazer uma abordagem muito pragmática. Bem, ele é um engenheiro, como eu, então ele vai ver coisas de uma certa maneira.”