Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Organizações Joyce prepara a estreia

Silva Cacuti - 06 de Julho, 2017

Cabindianos voltam ao campeonato nacional sénior masculino

Fotografia: M.Machangongo| Edições Novembro

A equipa sénior masculina de andebol das Organizações Joyce, da província de Cabinda,  procura melhorar os índices demonstrados na dupla derrota diante do 1º de Agosto, para a meia-final da Taça de Angola, a fim de se apresentar condignamente na sua estreia no campeonato nacional que se disputa de 10 a 23 do corrente, em Luanda. A formação cabindense perdeu por 19-38 e 21-36.

\"Os jogos com o 1º de  Agosto permitiram-nos ver os aspectos em que devemos melhorar e a nossa equipa técnica trabalha essencialmente neles\", disse João Sumbo, presidente de direcção da agremiação.

A equipa técnica é constituída por Mesalaque dos Santos, Adão Jorge e Olga Teco e vem a Luanda com objectivos modestos face a limitações da agremiação.

\"Já jogámos campeonatos jovens. Agora, decidimos dar continuidade à carreira dos atletas formados no clube. Sabemos que nos falta a experiência e a competitividade. Somos a única equipa sénior da nossa província. Vamos dar o nosso melhor na competição. Esperamos que, com este incentivo, apareçam mais equipas em Cabinda\", vaticinou.

A equipa de Cabinda vem a Luanda no sábado. Na primeira jornada, os cabindenses defrontam o Interclube.

Organizações Joyce e o Progresso da Lunda Sul dão ao campeonato o carácter nacional, uma vez que as demais inscritas são todas da província de Luanda. A competição vai juntar seis equipas. Além das duas citadas, jogam o 1º de Agosto (campeão nacional), Interclube, Marinha de Guerra e Petro de Luanda.

LUANDA FAZ
REFRESCAMENTO

\"A importância do delegado de mesa na organização do jogo\" é o tema da palestra que a Associação Provincial de Andebol de Luanda (Apal) promove a 9 do corrente, no âmbito da preparação dos 39º campeonato nacional que a cidade acolhe a partir de 10 de Julho.

Uma nota chegada à nossa redacção, indica que Pedro Godinho, presidente da Federação Angolana de Andebol (Faand) vai ser o prelector. A palestra acontece no auditório do Comité Paralímpico Angolano entre às 9h00 e às 12h00 e é dirigida a oficiais de mesa, árbitros, dirigentes, jornalistas e interessados.

\"Há um número de pessoas que podem ser chamadas a actuar como oficiais de mesa. Entendemos que devem rever alguma regulamentação. Não vamos só olhar para os delegados. No fundo, vai ser um refrescamento sobre as novas regras. Todos os participantes vão sair beneficiados\", disse Simão Filho, coordenador da prova e presidente da Apal.

A Associação Provincial de Andebol de Luanda é co-organizadora dos 39º campeonato nacional com a Federação Angolana de Andebol.

Depois do campeonato provincial de Luanda, o Interclube tem as contas a ajustar com o 1º de Agosto na prova nacional. Nos jogos do play off, os polícias justificaram que as cargas nos atletas ditaram a prestação negativa. Agora, chegou o momento de ajuste para medir as forças entre os polícias e militares.


EM MASCULINO
Equipa de Cabinda almeja segundo lugar na prova


A conquista do segundo lugar no campeonato nacional sénior masculino de andebol, a ser disputado de 10 a 23 de corrente, em Luanda, é o objectivo definido pela direcção das Organizações Joyce, equipa da província de Cabinda que se estreia na competição.

Em declarações ao Jornal dos Desportos, o treinador principal, Adão Jorge, disse ontem que a equipa vai disputar a competição com olhos no pódio, num gesto de relançamento da potência de andebol que havia no passado.

Adão Jorge referiu que os atletas estão aptos para competir com qualquer adversário no país e para ocuparem os três primeiros lugares da competição.

\"Vamos encarar esta competição com toda a responsabilidade. Consideramos cada jogo uma final. O nosso principal objectivo é de ocupar o segundo ou terceiro lugar da prova. Estamos conscientes das dificuldades a enfrentar diante dos nossos adversários, pois vamos competir com os grandes do andebol nacional\", disse.

Para esta competição, a equipa técnica trabalhou arduamente nos aspectos defensivos, ofensivos, passe e posicionamento de remate à baliza. Os aspectos técnico-táctico para a equipa sair vitoriosa na prova dominam os últimos dias de preparação.

\"A equipa trabalhou bastante no aspecto técnico-táctico e  quem acompanhou os dois jogos com o 1º de Agosto para Taça de Angola, notou o bom nível de competitividade dos nossos atletas. Criamos várias oportunidades de golos e complicámos bastante a formação militar. Estamos a trabalhar para mostrar o trabalho que desenvolvemos em Cabinda\", explicou. 

Adão Jorge apelou a todos os adeptos a depositar a confiança na equipa técnica e nos atletas para que a província de Cabinda consiga resultados positivos. Organizações Joyce estreia diante do Interclube de Luanda, no próximo domingo.
 JOSÉ CASIMIRO | CABINDA