Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Paulino e Alberto conquistam títulos

02 de Maio, 2016

MI Anzel Laubscher, da África do Sul; e Aamirah Beehky, das Ilhas Maurícias, sofreu derrota diante do MI Jesse Nikki, da África do Sul.

Fotografia: Jornal dos Desportos

Os xadrezistas Domingos Paulino e Manuel Alberto, ambos da Escola de Xadrez de Viana,  conquistaram o título de Mestres Fides, após terem somado 6,6 por cento dos pontos do Campeonato Africano de Xadrez Individual da Zona 4.3, que foi disputado de 24 do mês transacto a 1 do mês em curso, no Hotel Riu Creole, Pointe Su Ouest , Le Morne, nas Ilhas Maurícias.

Falha na estratégia afastou Angola de poder coleccionar mais um título da Zona 4.3 e também de Mestre Internacional. A oferta ímpar foi desperdiçada na VIII e penúltima jornada do  Campeonato Africano de Xadrez Individual da Zona 4.3, onde o Mestre Fide (MF) Domingos Paulino afastou da liderança da prova o MF Manuel Alberto, ambos da Escola de Xadrez de Viana, e automaticamente ofereceram o troféu de campeão ao MI sul-africano Ryan Pierre.

Angola perdeu os principais troféus, em compensação conseguiu dois Mestres Fide. Os xadrezistas Domingos Paulino e Manuel Alberto deixam de serem Candidatos a Mestres e passam a ingressar  nas fileiras dos Fides. Ryan Pierre confirmou o triunfo com vitória na 9ª e última jornada do zonal ao derrotar Jeroen Louis. A partida disputou-se no primeiro tabuleiro que foi montado na sala de conferência do Hotel Riu Creole.

O MI Erikson Soares aniquilou o Ashvin Jotee, MF Manuel Alberto derrubou o Antoine Goorsahye, CM João Júlio superou no tabuleiro o Righen Peroumal e CM Barileng Gaealafshwe venceu o Philippe Lau Hing Yim. O MF Roy Phillips  empatou MI David Silva, CM Devarajen Chinasamy dividiu o ponto com o MF Domingos Paulino e Ralison  Harifidy e  Patrick  Marie obtiveram meio ponto, no frente à frente.

A classificação final do Campeonato Africano de Xadrez Individual da Zona 4.3 foi a seguinte: 1º MI Ryan Pierre (África do Sul), com 7 pontos; 2º MI Erikson Soares (Angola), com 6,5 pontos; 3º MF Domingos Paulino (Angola), com 6 pontos; 4º MF Manuel Alberto (Angola), com 6 pontos; 5º MI David Silva (Angola), com 6 pontos; 6º MF  Roy Phillips (Ilhas Maurícias), com 6 pontos; 7º CM Barileng Gaealafshwe (Botswana), com 5,5 pontos; 8º CM João Júlio (Angola), com 5,5 pontos; 9º Ralison Harifidy (Madagáscar), com 4,5 pontos.

Mais abaixo ficaram o CM Devarajen Chinasamy (Ilhas Maurícias), com 4,5 pontos; Jeroen Louis (Ilhas Maurícias), com 3,5 pontos; Ashvin Jotee (Ilhas Maurícias),  com 3 pontos; Righen Peroumal (Ilhas Maurícias), com 2,5 pontos; Patrick Marie (Ilhas Maurícias), com 2,5 pontos; Antoine Goorsahye (Ilhas Maurícias), com 1,5 ponto; e Philippe Lau Hing Yim (ilhas Maurícias), com 1,5 ponto.

IRINEIA GABRIEL OCUPA SEXTO LUGAR
A atleta Irineia Gabriel, atleta do 1º de Agosto, destacou-se entre os representantes nacionais, ocupa a sexta posição do Africano de Xadrez feminino da Zona 4.3, com 3,5 pontos. A competição foi totalmente dominada pelas xadrezistas sul-africanas, que conquistaram os dois primeiros lugares.

As angolanas jogaram na última jornada. O confronto que foi disputada num ambiente de baixa pressão terminou empatado. O convívio no tabuleiro foi oferecido pela CM Fátima, da EPAL, e a Irineia Gabriel, do 1º de Agosto. O segundo da ronda foi protagonizado pela  CM Inge Marx,  da África do Sul, e a Francis Onkemetse, do Botswana.
   
Os resultados completos da IX jornada são os seguintes: CM Sónia Modi, da África do Sul, venceu a Mandira Elickal, das Ilhas Maurícias; Meritza Acham,  das Ilhas Maurícias, derrotou a MI Anzel Laubscher, da África do Sul; e Aamirah Beehky, das Ilhas Maurícias, sofreu derrota diante do MI Jesse Nikki, da África do Sul.

Após à conclusão da última rodada, a classificação ficou assim ordenada: MI Jesse Nikki (África do Sul), com 8 pontos; MI Anzel Laubscher (África do Sul), com 8 pontos; MF Inge Marx (África do Sul), com 7 pontos; MI Francis Onkemetse (Botswana), com 6,5 pontos; CM Sonia Modi (África do Sul), com 5,5    pontos; Irineia Gabriel ( Angola), com  3,5 pontos; CM Fátima Reis (Angola), com 2,5 pontos;  Aamirah Beehky (Ilhas Maurícias), com 2 pontos; Meritza Acham (Ilhas Maurícias), com 2 pontos; e  Mandira Elickal (Ilhas Maurícias), com 0 ponto. Álvaro Alexandre