Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Pedro quer vitória contra Barbados

Álvaro Alexandre - 09 de Agosto, 2014

A selecção masculina de xadrez tem esta tarde a possibilidade de subir alguns degraus na tabela classificativa se ultrapassar os Barbados

Fotografia: Jornal dos Desportos

O secretário permanente da Federação Angolana de Xadrez (FAX), Manuel Pedro, promete para hoje uma desforra, quando a selecção masculina defrontar o conjunto dos Barbados para retribuir a humilhante derrota sofrida pela Selecção Nacional Feminina, diante da mesma selecção, em jogo a ter lugar às 14h00, na vila olímpica de Tromso.

A Selecção Nacional masculina defronta a sua congénere dos Barbados, na partida número 58 da VI ronda da Olimpíada da Noruega.

Segundo Manuel Pedro, a Selecção Nacional Masculina tem a oportunidade de desforrar-se da derrota, que a equipa nacional feminina sofreu, pelo que é de  esperar uma vitória dos masculinos que, caso consigam atingir esse objectivo, podem subir mais alguns degraus na classificação.

O secretário permanente da FAX disse ontem, no Aeroporto Internacional  4 de Fevereiro, momentos antes de embarcar para a Noruega, que acredita numa  desforra. "Acredito nesse objectivo. É justo que façamos a desforra contra os Barbados. A derrota imposta à nossa equipa feminina pela formação dos Barbados foi humilhante. Já que não temos possibilidades de fazê-lo na classe feminina, vamos devolvê-la à equipa masculina", prometeu.

A jornada compreende o seguinte cartaz:
Azerbaijão-Geórgia, Sérvia-Bulgária, Itália-Noruega I,  Cuba-Cazaquistão, Uzbequistão-Rússia, Bósnia Herzegovina-França,  Croácia-Indonésia, China-Egipto, Vietname-Hungria, Holanda-Irão, Noruega II-República Checa, Inglaterra-Arménia, Roménia-Bielorrússia, Bélgica-Alemanha, Índia-Moldávia,  Ucrânia-Suíça, Israel-Canada, Polónia-Peru e Grécia-Qatar. À entrada da VI jornada das Olimpíadas Xadrez a classificação é liderada pelo Azerbaijão,  Sérvia, Cazaquistão, Cuba, Uzbequistão, e Geórgia, todos com nove pontos, seguidos da  Rússia, França, Croácia, China, Vietname, Egipto, Holanda, República Checa, Bósnia Herzegovina,  Arménia, Inglaterra, Noruega I  e Hungria, com menos um ponto. A Selecção Nacional, em masculinos, ocupa a 108ª posição com quatro pontos.


FRENTE AO BURUNDI
Equipa feminina busca pontos


Angola e Burundi defrontam-se hoje, às 14h00, na vila olímpica de Tromso, em partida a contar para VI jornada da 41ª edição das Olimpíadas de Xadrez . As duas selecções do continente africano travam confronto no palco da Noruega, com o objectivo de somarem mais dois pontos e abandonarem as últimas posições da prova.

Com níveis técnico similares, equipas do mesmo campeonato, as angolanas vão procurar surpreender as burundesas. Tito Martins e pupilas estão cientes das suas responsabilidades, na qual qualquer ponto perdido irá pesar nas contas finais na classificação, pelo que o Burundi oferece uma valiosa oportunidade para Angola refazer-se dos maus resultados.

A VI ronda da Olimpíadas Xadrez, em femininos, proporciona 20 partidas de grande importância. China-Hungria, Venezuel-Noruega I, Sérvia-Rússia, Holanda-Polónia, Eslováquia-França, Irão-Grécia, Itália-Indonésia e Estados Unidos da América-Estónia, Roménia-Suíça, Arménia-Cuba, Colômbia-Bélgica e  Índia-Espanha, são alguns dos jogos cujos resultados podem mexer na classificação. Após a conclusão da V jornada a classificação é liderada pela China,  Hungria e Rússia com dez pontos, seguidos da Holanda, Polónia e Sérvia com nove. França, Irão, Indonésia, Estados Unidos da América, Suíça, Grécia, Roménia, Cuba,  Itália,, Arménia, Eslováquia e  Estónia, com oito pontos, estão logo a seguir.

Angola encontra-se na 115ª posição com dois pontos.