Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Pepino entra em cena

Simão Kibondo-Cleveland - 26 de Julho, 2013

Fotografia: Jornal dos Desportos

O ciclista angolano, Alberto Silva “Pepino”, de  90 anos, já se encontra desde terça feira,  no Estado de Ohio, concretamente na cidade de Cleveland, onde a partir de amanhã participa na prova de estrada de 40 quilómetros, primeira das duas etapas em que foi inscrito,   competição reservada a atletas com mais de 50 anos, em ambos os sexos.

A outra prova em que o ciclista angolano está inscrito é a de domingo, na distância de  20 quilómetros, que à semelhança da anterior vai disputar-se  no “Firt Energy Stadium”   arredores da cidade de Cleveland. A modalidade de ciclismo, recorde-se abriu o seu programa de competições quarta-feira, com os  contra-relógios de 10 e 5 quilómetros, respectivamente,   a serem ambos disputados   na reserva “Rocky River”,  numa área dos arredores da cidade reservada a piqueniques.

Antigo ciclista
Jalabert assume responsabilidade


O antigo ciclista Laurent Jalabert disse ontem “assumir as responsabilidades”, um dia após a publicação do relatório da comissão de inquérito do senado francês (câmara alta do parlamento), que pretendia determinar quais os ciclistas que recorreram a substâncias dopantes no “Tour” de 1998.“O seu nome foi citado. Ele reconhece esse facto. Conforme as suas declarações perante à comissão de inquérito, [Jalabert] revela ter seguido as prescrições médicas das suas sucessivas equipas”, reagiu o advogado do antigo ciclista, em comunicado a que a agência de notícias francesa AFP teve acesso. Laurent Jalabert “lamenta que após os excessos de um período passado, a imagem do ciclismo actual e da Volta a França esteja a ser marcada de novo quando tanto se fez para promovê-los”, concluiu o advogado.

Ciclismo
Riis Cycling procura novo patrocinador

O proprietário e director desportivo da Riis Cycling anunciou ontem o fim das negociações com o banco Tinkoff, que visavam o prolongamento do contrato de patrocínio após 2013, e que vai procurar um novo parceiro para a equipa de ciclismo."Durante as negociações com o banco Tinkoff ficou claro que não somos capazes de partilhar pontos de vista e ideias que eram necessárias para a nossa parceira crescer e ser bem sucedida para ambas as partes depois de 2013", afirmou Bjarne Riis, proprietário da equipa dos portugueses Sérgio Paulinho, Bruno Pires e do espanhol Alberto Contador, vencedor das edições de 2007 e 2009 da Volta à França.

  Em comunicado divulgado no site oficial na Internet da Saxo-Tinkoff, Riss realça a divergência "na forma como a equipa deve ser constituída". "Por todas estas razões, decidi explorar outras possibilidades e terminar as negociações com o banco Tinkoff.  Quero agradecer particularmente a Oleg Tinkoff e ao banco Tinkoff pelo enorme contributo dado à equipa. Estou ansioso por continuar a trabalhar com o banco Tinkoff até ao final de 2013 e desejo-lhes o melhor para o futuro", referiu Riis.  O Saxo Bank, principal patrocinador da equipa desde 2008, comprometeu-se a ficar com a Riis Cycling em 2014 e em ajudar a garantir o futuro da formação, que corre com a bandeira da Dinamarca. "Por isso, estou confiante de que vamos ser capazes de continuar a preparar uma equipa forte e competitiva nos próximos anos", concluiu Riis.  Após o fim da 100.ª edição da Volta à França, o magnata russo Oleg Tinkoff lamentou o quarto lugar final de Contador, salientou  que o madrileno era  "demasiado rico" e que tinha de "trabalhar mais arduamente".