Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Pesca aos parguetes encerra festival

Rosa Panzo - 01 de Março, 2018

O Clube Naval de Luanda subiu ao lugar mais alto do pdio por intermdio do velejador

Fotografia: Jornal dos Desportos

Para encerrar as festividades do 94º aniversário do Clube Náutico da  Ilha de Luanda, assinalados ontem, a organização do certame realiza neste final de semana, na Baía do Mussulo, em Luanda, o concurso de pesca aos parguetes. 
Nuno Abobot, membro de direcção do CNIL, informou que estão inscritos 26 equipas e \"as actividades estão a decorrer a bom ritmo\". Presumiu que até a data do concurso, mais equipas vão aderir ao evento.
Um dos objectivos do concurso de pesca aos parguetes é lançar novos valores na prática da pesca desportiva, segundo Nuno Abobot. A título exemplo, citou a sua pessoa e outros colegas que lançaram os filhos e hoje já competem nos campeonatos nacionais e internacionais. A grande referência da presente edição é o lançamento dos netos de Fernando Sancho para o mundo da alta competição na pesca desportiva.
Uma partida de hóquei em patins sub-aquático vai encerrar as actividades do Festival do CNIL.
No último fim-de-semana, a organização fez disputar o concurso de pesca aos canucos com 17 participantes, o torneio de natação, regatas de canoagem e de vela com a participação de 96 atletas do Clube Naval de Lunada, Clube Náutico da Ilha de Luanda, Petro de Luanda, 1º de Agosto, Marinha de Guerra e Marítimo da Ilha de Luanda, em todas as classes.
Na classe Optimist, o Clube Naval de Luanda subiu ao lugar mais alto do pódio por intermédio do velejador, Armindo de Sousa, seguido do colega de equipa, Osvaldo da Gama, e Ronâncio Paulo, do CNIL, a fechar o pódio.
Na Classe Laser 4.7, o Naval dominou a prova com, Lourenço Montinho, Decarprio Fernandes e João Artur. O domínio dos navais voltou a evidenciar-se na classe Laser Radial. Nelson Ventura, Filipe André e Simão José ocuparam todo o pódio.
A dupla Mário Domingos/Francisco Quimbo levou o nome do Clube Naval de Luanda ao lugar mais alto do pódio da classe 420. O CNIL ocupou a segunda posição com a dupla António Manásseis/Eugénio Chivanga. A dupla José ventura/Paulo Afonso, do Clube Naval, terminou na terceira posição.
Na classe 470, os resultados equilibraram. O Clube Naval de Luanda ocupou o primeiro lugar, com Matias Montinho/Paixão Afonso. O CNIL ficou na segunda e terceira posições com as duplas Paulo de Almeida/Fábio da Silva e José dos Santos/Custodio Paulo.