Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Petro augura topo de frica

13 de Janeiro, 2020

Fotografia: Kindala Manuel

O presidente de direcção do Petro de Luanda, Tomás Faria, assegurou ontem, ao Jornal dos Desportos, que estão a trabalhar para se tornar no maior clube de futebol de África. A sustentação assenta nas novas normas de gestão adoptadas para os próximos anos no quadro do saneamento financeiro implementado desde 2014.

\"Estamos a preparar as bases para sermos o maior clube de futebol de África, apesar das conjunturas que o país atravessa. Temos de cumprir com esse desafio\", disse.

Tomás Faria revelou que o clube tricolor cresceu nos aspectos financeiros e desportivos ao longo dos tempos.

\"A avaliação dos 40 anos do Petro de Luanda é positiva. Conseguimos crescer em termos desportivos e financeiros. Tivemos uma melhoria significativa pelo facto de auditoria aprovar sem reservas as nossas contas, o que nos torna no primeiro clube do país pela primeira vez com contabilidade organizada\", disse.

Em entrevista à Rádio Cinco, Tomás Faria chamou a atenção às entidades competentes para que ajudem às Federações Nacionais a dispor de contabilidade organizada.

\"Assistimos às reuniões nas federações e vimos a realidade de algumas instituições: carecem de organização\", disse.

Quanto à renovação de mandatos, Tomás Faria disse que no Petro de Luanda \"há a liberdade de qualquer sócio com quotas em dia candidatar-se\". Questionado se vai recandidatar, o presidente de direcção remeteu \"o interessado em saber a rever a entrevista concedida em conferência de imprensa no dia 17 de Maio\".

O Jornal dos Desportos apurou que o futuro elenco directivo do Petro de Luanda vai contar com novas caras em diferentes áreas. Alguns rostos pertencentes às antigas direcções vão integrar a lista concorrente.

O Petro de Luanda foi fundado a 14 de Janeiro de 1980. Amanhã, completa 40 anos de existência. No seu historial, carrega 15 títulos do Girabola que o torna no maior papão. O último troféu conquistou em 2009. Além de futebol, congrega basquetebol, andebol, xadrez, ginástica, ciclismo, hóquei em patins, atletismo e voleibol.