Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Petro e Marinha jogam hoje a final

Silva Cacuti - 04 de Junho, 2018

Petrolferos e marinheiros disputam amanh no Pavilho Principal da Cidadela a final atpica

Fotografia: Jos Soares| Edies Novembro

Surpresa! O andebol angolano regista, amanhã, a primeira final de uma competição oficial sénior masculina em que nem o 1º de Agosto e muito menos o Interclube são protagonistas. As humildes equipas do Petro de Luanda e da Marinha de Guerra sobem, amanhã, ao piso da Cidadela Desportiva para disputarem a \"final atípica\" do campeonato provincial sénior masculino.
Para chegarem à final os petrolíferos venceram o Interclube por 29-27, após prolongamento. Ao intervalo, a jovem equipa do Petro de Luanda, em que abundam juniores dispensados pelo Interclube, vencia por 13-12. Os polícias, que dominaram a primeira fase da competição em que consentiram apenas uma derrota para o 1º de Agosto, terão menosprezado o adversário que chegou à meia-final na condição de quarto classificado da fase anterior, com registo de duas vitórias, dois empates e quatro derrotas.
Na vontade de aparecer e mostrar aos antigos companheiros,que têm lugar na equipa do Interior, os comandados de André Costa \"aguentaram\" o favorito e chegaram ao empate no tempo regulamentar. Estava cumprida a missão, nada tinham a perder e tudo o que viesse depois seria ganho.
O ganho surgiu durante o prolongamento, em que estoicamente marcaram quatro golos e sofreram dois. A nível do plano de desenvolvimento desportivo Integrado do clube, o andebol masculino não está cotado entre os que jogam competições para ganhar, mas André Costa e pupilos dizem que vão tentar vencer a final de amanhã.
Outra surpresa viveu-se no RI20, num jogo entre \"irmãos\" em que não estava previsto o kassula estragar o \"biolo\" ao kota. Inesperadamente a Marinha de Guerra, sob batuta de Nelson Catito, bateu o 1º de Agosto de Filipe Cruz, 28-26.
Também foi preciso recorrer ao desempate por via do prolongamento, já que, no tempo regulamentar, o marcador mostrou 25 golos para cada equipa. No \"extra time\" os pupilos de Catito \"faltaram com o respeito\", reivindicaram o seu lugar na \"equipa principal\" e venceram esta fase por 7-5.
Fez-se reboliço ante a afronta dos \"primos\". Falhar a final por conta da prata da casa dói mais. Culpados podem pagar a factura!
Amanhã, às 17H00 a Marinha defronta o Petro de Luanda, em busca do seu primeiro título provincial. Hoje, os derrotados Interclube e 1º de Agosto, jogam pelo terceiro lugar.
Na competição feminina Petro e 1º de Agosto não permitiram veleidades aos adversários e têm o tira teimas agendado para amanhã, a partir das 19H00.
As duas finais vão ser lançadas hoje, em conferência de imprensa pela Associação Provincial de Andebol. Ainda hoje, jogam para as classificativas do terceiro lugar, as equipas do Progresso e da Marinha de Guerra.