Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Polcia brasileira detm suspeitos

22 de Julho, 2016

Agentes de segurana fazem vistoria na cidade de Deus uma regio prxima vila olmpica

Fotografia: AFP

O governo brasileiro tem reafirmado a capacidade do país para dar uma resposta cabal em termos de segurança dos Jogos Olímpicos. A Polícia Federal do Brasil anunciou ontem a prisão de vários suspeitos de planearem actos terroristas no país, quinze dias antes da abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, noticia a Folha de São Paulo.

O serviço de Inteligência do governo brasileiro terá identificado um grupo cooptado por facções extremistas através da internet. O suspeito foi detido no âmbito de uma operação contra o terrorismo sobre a qual vai falar o Ministro da Justiça, Alexandre Moraes.

Nas últimas semanas, o presidente interino, Michel Temer, divulgou manifestações em vídeo para tranquilizar turistas e atletas em relação à segurança do evento desportivo que começa no dia 5 de Agosto.

O próprio ministro da Justiça também reiterou em diversas oportunidades que o país está preparado e que existe um pequeno risco de atentados a serem organizados no Brasil. No entanto, informações divulgadas pelo jornal O Estado e S.Paulo indicam que o Estado Islâmico e outros grupos jihadistas têm incitado os seus seguidores a actuar como "lobos solitários" e realizar ataques terroristas durante os Jogos Olímpicos do Rio.


ORNAMENTO
Copacabana acolhe escultura

Uma escultura que retrata os aros olímpicos foi descerrada ontem na praia de Copacabana, zona nobre da cidade do Rio de Janeiro, palco dos jogos olímpicos. Os aros são feitos de plástico reciclado. A obra de arte, com três metros de altura e mais de seis metros de comprimento, foi idealizada pela artista plástica Elisa Brasil, a pedido da prefeitura do Rio de Janeiro. Ao todo, foram usados 65 quilos de material reciclado na escultura, com plástico coletado por uma ONG em vários pontos da cidade do Rio de Janeiro. Os aros serão acessíveis ao público e ficarão na areia, na altura do hotel Copacabana Palace, área turística da cidade.