Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Prolas viajam em cima da hora

Silva Cacuti - 14 de Novembro, 2019

Chegada tardia no local de jogos inviabiliza as intenes do tcnico dinamarqus

Fotografia: Vigas da Purificao | Edies Novembro

A selecção nacional sénior feminina de andebol, também conhecida por "Pérolas", pode seguir viagem para a cidade japonesa de Kumamoto, palco do mundial, apenas a 27 do corrente, se a Federação não poder resolver as dificuldades financeiras e cambiais com que se debate para conseguir o embarque das jogadoras. A probabilidade de embarque, três dias antes do jogo de estreia, foi avançada por Zeca Venâncio, vice-presidente da Federação Angolana de Andebol.
Segundo apuramos, a equipa técnica pretendia levar as Pérolas com cerca de 10 dias de antecedência para efectuar um curto estágio de adaptação ao fuso horário. Aliás, do programa de trabalho da selecção, em nossa posse, constam tarefas até amanhã, o que faz pensar que Mortem Soubak contava trabalhar nos dias subsequentes já no palco da competição.
Uma fonte próxima revelou-nos que a Federação faz o melhor para embarcar a comitiva numa rota em que a passagem para cada integrante da comitiva esteja fixada em 1,6 milhões de kwanzas. A mesma fonte assegura que é a mais barata encontrada. Além de parcos recursos, a carência de divisas é outro mal que emperra a partida da selecção.
Segundo uma pesquisa feita por nós, o preço dos bilhetes de passagem de Luanda a Tóquio ronda os dois mil e 160 dólares norte-americanos (2160 USD), enquanto a ligação para Kumamoto custa outros 350 dólares americanos.
Ao chegar tarde a Kumamoto, as Pérolas sujeitam-se a sofrer com cansaço, irritação, insónia e outros efeitos da diferença horária entre Kumamoto e Luanda. As duas cidades têm uma diferença de oito horas. Actualmente, Kumamoto chega a registar temperaturas mínimas de 0 graus centígrados contra os mais de 20 graus centígrados de mínima que Luanda regista. O primeiro jogo das comandadas de Mortem Soubak vai ser diante da Sérvia.
Angola disputa a fase preliminar do mundial na cidade de Kumamoto, inserida no Grupo A ao lado da Sérvia, Noruega, Cuba, Holanda e Eslovénia.
No grupo B vão jogar a Dinamarca, Austrália, Brasil, França, Alemanha e Coreia do Sul. Senegal, Cazaquistão, Montenegro, Espanha, Roménia e Hungria corporizam o grupo C ao passo que Suécia, Congo Democrático, Rússia, China, Japão e Argentina vão jogar no grupo D.