Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Promotora Kibeto homenageia Luta Armada

20 de Janeiro, 2016

Os próprios lutadores vão também vender nas Academias e noutros locais a anunciar em breve. Os preços vão rondar entre 100 e 2000 kwanzas", disse.

Fotografia: Jornal dos Desportos

Lutar para saudar o início da Luta Armada de Libertação Nacional é o que pugilistas e kikboxers se propõem fazer durante a Gala da Kibeto Promoções, prevista para 6 de Fevereiro no centro desportivo Paz Flor, localizado no Morro Bento, nas imediações do Embarcadouro do Mussulo.

Márcio Herlander, da promotora, anunciou a inclusão de três combates profissionais de boxe e outros tantos de kikboxing. Para o boxe, a grelha inscreve combates de pesos meio médios (-69,9Kg), meio ligeiros  (-66.7) e pesos pesados (+90.7Kg). A chave dos combates de kikboxing ainda não está elaborada.

Márcio Herlander  avança os  nomes dos envolvidos no torneio de boxe. Para os pesos meio médios, José Gomes defronta Mafisse Kibwa no primeiro combate. A seguir, para os pesos meio ligeiros, Conceição Manaça "Cara Grande" vai jogar diante de Alfredo Sassa, enquanto Tó Morgado defronta Manuel Mutwa, nos pesos pesados.

Os combates de kikboxing vão ser disputados sob regras da World Association of Kickboxing Organizations (Wako) e inscreve combates entre atletas nacionais, que já evoluíram em grandes palcos mundiais, como é o caso de uma das maiores organizações de kickboxing do mundo o Superkombat.
Estão inscritos combates nas categorias de +76,2kg (Ivan Pepas vs Lourenço Gonga), -86kg (Pedro Carvalho vs Lourenço), -67kg (Sousa Razel vs Oliveira Pongo) e -63,5kg (Wilmar Cruz vs Esmael Moxi). 

Márcio Herlander revelou que os ingressos vão ser disponibilizados dentro de poucos dias e com preços acessíveis. "Não tarda. Vamos colocar os ingressos à disposição do público no local do evento. Os próprios lutadores vão também vender nas Academias e noutros locais a anunciar em breve. Os preços vão rondar entre 100 e 2000 kwanzas", disse.
SILVA CACUTI