Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

"Provincial" arranca sábado

Gaudêncio Hamelay, no Lubango - 14 de Março, 2014

Depois da formação dirigida por um especialista de nacionalidade cubana os jovens da cidade do Lubango medem forças num torneio com meia centena de participantes

Fotografia: Álvaro Alexandre

O campeonato provincial de xadrez nos escalões de juvenis e juniores em ambos os sexos arranca no próximo sábado na província da Huíla com a movimentação de mais de 50 xadrezistas. A competição vai ser disputada no sistema suíço a nove jornadas e contar com a participação de seis equipas.

Estão inscritas as escolas Macovi Sport Clube, Benfica do Lubango, Ferroviário da Huíla, Sporting do Lubango, Núcleo do bairro Agostinho Neto e das escolas públicas e privadas.

O secretário-geral da Associação Provincial dos Desportos Individuais da Huíla, Manuel Pereira, (APDIH) assegurou ao Jornal dos Desportos que a realização do certame só é possível depois de concluído o ciclo de formação dirigido por um instrutor cubana residente no Lubango.

O ABC do xadrez cingiu-se às técnicas de saída, jogadas de ataque e defesa. A adesão dos atletas à prova satisfaz a associação, que prevê um alto nível competitivo depois de dois meses de formação.

“Vimos que os xadrezistas huilanos aproveitaram ao máximo a experiência do instrutor cubano que ministrou a formação durante dois meses.

Os atletas aperfeiçoaram as técnicas e com esta formação estão mais aptos para realizar um bom provincial”, disse. Em relação ao material em falta, Manuel Pereira explicou que a Federação Angolana de Xadrez ofereceu à associação local seis tabuleiros de jogo, mas sem os relógios, e a Escola Macovi Sport Clube de Luanda garantiu cedê-los para preencher o vazio.

Além da disputa do campeonato provincial de xadrez, a associação planificou a realização de torneios alusivo às datas festivas no país, mormente, o 4 e 14 de Abril, 11 de Novembro, 10 de Dezembro, entre outros.

ESCOLA MACOVI sport
DOMINA “8 DE MARÇO”

A época desportiva na Huíla abriu no fim-de-semana com a realização do Torneio 8 de Março, alusivo às festividades do Dia Internacional da Mulher.

Os atletas do Núcleo da Escola Macovi Sport Clube da Huíla, em juvenis masculinos, dominaram o certame, ao ocuparem os dois lugares cimeiros.

 Paulo Cabuco venceu a prova, com três pontos, seguido do colega de equipa  Djamel da Silva, com dois, e Piter Rosário, do Ferroviário da Huíla, com um.

Em juvenis femininos, a proeza coube à atleta Flávia Samongue, de apenas oito anos, do Núcleo do bairro António Agostinho Neto, com três pontos.
 Luísa Silva e Rosalina Dembele, ambas da Escola Macovi Sport Clube da Huíla, ocuparam os lugares imediatos, com dois e um ponto.

No escalão de juniores masculinos, a vitória sorriu a Felisberto Chivela, do Ferroviário da Huíla, que conquistou três pontos, secundado do companheiro de equipa Osniques Caquebo, com dois. Nos lugares imediatos ficaram António Mulange, da Escola Macovi Sport Clube da Huíla, e José Pedro, a título individual, com um e zero pontos.