Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Queniano Kirop bate recorde

07 de Outubro, 2013

Quenianos voltaram a estar em grande na Maratona e Meia-Maratona de Lisboa disputadas ontem nas artérias da cidade portuguesa

Fotografia: AFP

O queniano Wilson Kirop bateu ontem o recorde da meia-maratona Rock ’n’Roll, em Lisboa, ao cumprir o percurso em 1h00.19, prova em que Sérgio Silva foi o melhor português, ao ser 15º. Foi por apenas um segundo que Wilson Kirop “roubou” o recorde ao compatriota Silas Sang, que, em 2009, cumpriu o trajecto em 1h00.20.

Com início na Ponte Vasco da Gama, logo cedo Wilson Kirop assumiu a liderança, tendo ficado a ideia que com uma temperatura ligeiramente mais baixa o atleta podia ter ficado ainda mais próximo da melhor marca mundial (58.22 minutos).

Os segundo e terceiro lugares ficaram entregues a Goiton Kifle e Teklemariam Medhin, ambos da Eritreia, a 59 segundos e 1.47 minutos. Sérgio Silva acabou por ser o melhor atleta português em prova, com um 15º lugar, ao correr a prova em 1h05.36, batendo mesmo a melhor marca pessoal, que tinha atingido em 2010, com 1h06.56.

Para o atleta do Sporting, a ponta final, entre a Estação de Santa Apolónia e o Parque das Nações, acabou por ser o troço mais difícil da prova, devido ao vento que se fez sentir paralelo ao Rio Tejo, em sentido ascendente.

MARATONA
Paul Lonyagata venceu ontem a primeira edição da Maratona de Lisboa, que teve partida em Cascais e chegada em frente à MEO Arena, no Parque das Nações. O jovem de 20 anos completou os 42 quilómetros da prova em 2h09.46, quase dois minutos à frente do ucraniano Sergey Lebid, segundo colocado, e  três do também queniano Laban Mutai, que completou o pódio.

Na competição feminina, a vencedora também viajou do Quénia. Agnes Kiprop foi a primeira a cortar a meta, com o tempo de 2h31.14.