Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Reabilitao do campo do Dundo abre boas perspectivas na Lunda Norte

Hlder Jeremias - 05 de Janeiro, 2015

Atraso na entrega da obra teve repercusses negativas nos programas gizados pela Associao

Fotografia: Nuno Flash

O secretário-geral da Associação Provincial de Ténis da Lunda Norte, Carlos Capitango, apontou a reconstrução da quadra de jogo de piso rápido do Dundo como o maior benefício que a modalidade obteve entre as várias acções desenvolvidas pelas autoridades no âmbito da massificação ao nível regional.

A infra-estrutura foi reabilitada pela empreiteira Sol Dourado, contratada pelo Governo Provincial no âmbito da realização da primeira edição do Torneio Nacional do Dundo, em sub-14 de ambos os sexos, alusivo ao dia da cidade e permite que os atletas consigam desenvolver melhor as suas habilidades.

Apetrechado com áreas de serviço e zonas de lazer, o campo de piso rápido do Dundo tem recebido dezenas de jovens ávidos por uma carreira desportiva de sucesso, motivo pelo qual Duda Fortunato está convicto de que 2015 é um ano de significativos ganhos para a modalidade das raquetas.

O atraso na entrega da obra teve repercussões negativas nos programas gizados pela associação de que faz parte, com destaque para o adiamento sistemático do torneio previsto para o mês de Junho e disputado um mês depois, porém, serve-se da máxima segundo a qual antes tarde do que nunca, para reiterar a alegria dos tenistas.Carlos Capitango mostra-se regozijado pela atenção que o ténis tem merecido do Governo Provincial, em particular o governador, Ernesto Muangala, porquanto a reabilitação daquela importante infra-estrutura só foi possível graças à sua intervenção, facto que, segundo afirma, “permite-nos continuar a contar com o apoio de quem de direito para que em 2015 outras benesses sejam concretizadas”.

O programa de actividades já está a ser elaborado, o qual deve estar em harmonia com o programa da Federação Angolana de Ténis, na qualidades de órgão supervisor da modalidade, porém, deu por certa a realização da próxima edição do Torneio Nacional entre as actividades de destaque.

FUTURO
Associação de Benguela com metas ambiciosas


O presidente da Associação Provincial de Ténis de Benguela, Duda Fortunato, está convicto quanto ao melhor desempenho dos atletas daquela cidade nas provas do calendário da associação e nos eventos em que forem convidados ao longo da época 2015.
O homem forte da modalidade em Benguela advogou uma presença mais actuante da Federação Angolana de Ténis junto das associações como forma de impulsionar o desenvolvimento da modalidade através do intercâmbio e experiência entre as distintas instituições.

Duda Fortunato reconhece que, de facto, os dois últimos anos têm sido marcados pela revitalização dos campeonatos nacionais e Taça de Angola, mas lamenta a inexistência de um vínculo permanente entre os corpos sociais da instituição reitora com as suas filiais, facto que denota grande vulnerabilidade em termos de funcionamento. 

O crescente número de praticantes na província é, na visão de Duda Fortunato, sinal de que Benguela configura um dos principais viveiros, o que implica maior atenção por parte das autoridades, de modo a não se desperdiçar os grandes talentos que vão surgindo um pouco por cada município.

Duda Fortunato reitera a construção de mais quadras de jogo, uma vez que o escasso número existente representa o principal obstáculo para que os atletas melhorem os níveis técnicos e apela aos proprietários de campos particulares a criarem equipas e núcleos de praticantes. 
H.J