Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Regularização atarefa clubes

Rosa Panzo - 11 de Agosto, 2017

Clube Naval de Luanda, 1º de Agosto e Petro de Luanda.

Fotografia: Jornal dos Desportos

A transferência de atletas para outros escalões atarefam os serviços administrativos dos departamentos desportivos de diferentes agremiações de Luanda no final da época 2016-2017. No Clube Náutico da Ilha de Luanda (CNIL) e no Clube Naval de Luanda (CNL), a organização e a regularização dos velejadores por idades dominam o período de férias.

Em declarações ao Jornal dos Desportos, o chefe de departamento do CNIL, Mateus Afonso, disse que o trabalho continua \"nessa pausa desportiva\".\"Estamos empenhado na arrumação da casa com a regularização dos nossos filiados e as ascensão dos atletas de uma classe a outra devido ao factor idade\", explicou.

Para o dirigente, os objectivos para a próxima época começam a ser traçados agora. A \"arrumação da casa\" é a base de sustentação.
No Clube Naval de Luanda, campeão nacional em título em todas as classes, o ambiente não é diferente. A equipa técnica sob a liderança de Moisés Camota também está de \"olhos\" virados na regularização dos filiados e na elaboração de estratégias dos objectivos para a próxima época.

Questionado sobre as transferências de atletas, Moisés Camota referiu que o Clube Naval de Luanda vai continuar a trabalhar com os mesmos atletas na próxima época desportiva.\"Internamente, devíamos fazer algumas transferências de atletas da classe Optimist A para B, mas também não foi possível devido às eleições da FADEN que ainda não foram realizadas. Por esse facto, estamos impedidos de fazer a ascensão dos atletas originários das escolas de formação para a alta competição\", disse.

Para a satisfação do treinador Moisés Camota, os velejadores que contribuíram para o título africano na classe Optimist vão manter-se na equipa. \"Tanto nas competições internas quanto internacionais, os velejadores que conquistaram o título Africano no Egipto ainda têm a idade para continuar na equipa principal em 2018\", disse.Na capital do país, quatro clubes disputam as provas de calendário desportivo de cada época da Federação Angolana de Desportos Náuticos. Concorrem para o título nacional o Clube Náutico da Ilha de Luanda, Clube Naval de Luanda, 1º de Agosto e Petro de Luanda.