Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Ricardo Jorge revela ascensão

Hélder Jeremias - 11 de Agosto, 2014

Motores voltam a roncar no próximo fim-de-semana com a disputa de mais uma ronda do Campeonato Provincial que tem registado níveis competitivos elevados

Fotografia: Jornal dos Desportos

O piloto individual Ricardo Jorge foi a grande revelação da quinta jornada do Campeonato Provincial de Motocross de Luanda, disputada no sábado, no circuito internacional Jorge Varela, no qual arrebatou o segundo lugar, com 37 pontos, na prova cujo vencedor foi o representante do Team Orbel, Zeferino Fernandes “Zé Cazenga”, 47 pontos.

O terceiro lugar foi ocupado pelo piloto ao serviço da Sistec, Custódio Neto “Toíto”, que também totalizou 37 pontos. Diante de uma grande moldura humana que se deslocou ao circuito do Gamek para empurrar os seus pilotos predilectos para a vitória, o certame começou por ser marcado pelo esperado despique entre Zé Cazenga e Toíto, sobretudo na primeira manga, em que ficou evidenciada a perícia dos dois pilotos mais cotados da actualidade.

Apesar disso, Ricardo Jorge revelou a sua subida de forma ao jogar ao ataque desde a corrida inicial, quando, na tentativa de uma ultrapassagem a Zé Cazenga, Toíto teve uma queda aparatosa que permitiu a fuga do adversário. Na segunda manga, notou-se uma quebra significativa no ímpeto competitivo do piloto da Sistec, até então apontado como o principal candidato à conquista do troféu, mas Toíto, que no Grande Prémio de Quilengues, disputado há duas semanas na província da Huíla, levou de vencido Zé Cazenga, teve de se render às evidências de Ricardo Jorge, mercê de ataques fulminantes e entradas ousadas nas curvas por parte do piloto do bairro Maculusso.

Zé Cazenga venceu as duas mangas consecutivas e consolidou a primeira posição na tabela classificativa, com 245 pontos, seguido de Toíto, que perfez 150 pontos na posição imediata, enquanto Ricardo Jorge ascendeu à terceira posição, com 120 pontos. Na categoria dos 150cc, o grande vencedor foi Etelvino Sebastião, com 47 pontos, à frente de Artur Manuel, 37, e Beny Perreira, 37, ao passo que em moto-quatro o mais rápido foi

Hélio Martins, que somou 45, mais três pontos que Álvaro Calado, 42, ficando Estêvão Sebastião em terceiro, com 37. No final da prova, a direcção da associação procedeu à entrega de prémios referentes às duas últimas provas disputadas no circuito luandense. A quinta jornada está marcada para sábado próximo, a partir das 13h00, no mesmo local.

ALERTA
Ricardo Jorge revela ascensão

O presidente da mesa da Assembleia-geral da Associação Provincial de Motocross de Luanda, Júluio Quental, pediu o cumprimento de uma preparação física mais rigorosa por parte dos pilotos inseridos no Campeonato Provincial, como forma de rentabilizarem o seu potencial. O responsável fez estas observações em declarações ao Jornal dos Desportos no final da quinta jornada, disputada no sábado à tarde, no circuito Jorge Varela, na qual foi notório o desgaste físico da maior parte dos concorrentes na segunda manga, depois de na primeira ter havido um maior despique entre os primeiros classificados.

Júlio Quental mostrou-se regozijado pela grande moldura humana que se deslocou ao local da competição e frisou que “este facto é uma prova de que a população precisa de mais motivos de diversão, pelo que todas as forças devem ser unidas para que, nesse sentido, o motocross continue a cumprir a sua função social”.

“O desporto é, sem dúvida alguma, um fenómeno que transmite muita alegria ao público e esse facto ficou patente nesta moldura humana que esteve presente, daí que as nossas responsabilidades sejam de capital importância, mas devemos contar com os devidos apoios das diversas estruturas, para que o trabalho seja feito sem grandes embaraços”, sublinhou Júlio Quental.                                                
H.J